A vida do esportista carioca Pepê Lopes será adaptada para os cinemas

A vida do esportista carioca Pepê Lopes será adaptada para os cinemas

A primeira cinebiografia do atleta Pepê, personalidade carioca que marcou sua geração nos anos 80 e único brasileiro a conquistar o mundial de voo livre, está em desenvolvimento. Ícone dos esportes radicais e das praias do Rio de Janeiro, Pepê abalou o país ao morrer tragicamente aos 33 anos, em um acidente de asa delta durante uma competição no Japão. Com direção de Lipe Binder (“No Fio da Navalha”, “Arcanjo Renegado” e “Verdades Secretas”) e roteiro de Patrícia Andrade (“Dois Filhos de Francisco”, “Entre Irmãs” e “Gonzaga: De Pai pra Filho”), o projeto narra a trajetória de Pepê e suas conquistas até se tornar um dos mais queridos esportistas do Brasil.

O filme se dedica aos anos importantes da carreira de Pepê, desde o início de sua paixão pelo surfe até o último campeonato de voo livre do qual participou, o trágico torneio internacional em Wakayama, no Japão, em 1991. Antes de se dedicar à asa delta, ele já havia quebrado diversos recordes com o único surfista brasileiro, por 38 anos, a chegar em uma final de Pipeline, no Havaí.

A vida do esportista carioca Pepê Lopes será adaptada para os cinemas

Além dos muitos desafios vencidos pelo carioca nos esportes radicais, o roteiro promete se aprofundar na trajetória pessoal de Pepê. Marido e pai, empreendedor e um grande apaixonado pela cidade do Rio de Janeiro, o atleta foi a síntese do estilo de vida carioca nos anos 80. Através de seu espírito livre, desafiador e visionário, ele foi também responsável por revolucionar toda uma geração em plena ditadura militar, inspirando jovens Brasil afora e abrindo caminho para incontáveis esportistas que o seguiram. Ao ser adaptada para o cinema, a história de Pepê descortina todo o seu importante legado, os horizontes que foram abertos com a coragem e a ousadia de um jovem brasileiro que sempre buscou superar os próprios limites.

FICHA TÉCNICA

  • Direção: LIPE BINDER
  • Roteiro: PATRÍCIA ANDRADE
  • Direção de fotografia: MAURO PINHEIRO
  • Produção: MARCIA BRAGA e ELIANA (LILI) SOÁREZ

LIPE BINDER

Lipe Binder
Lipe Binder – Foto: Leo Aversa

Lipe Binder começou a carreira como diretor em 2003, na novela “Cabocla”, e vem acumulando sucessos em seu currículo com obras como “Sinhá Moça”, “Gabriela”, “Amor à Vida”, “O Outro Lado do Paraíso” e “Aruanas”. Ele assina também a direção geral de projetos como “Arcanjo Renegado”, “Império” e “Verdades Secretas”, vencedores da categoria novela no International Emmy Awards em 2015 e 2016, respectivamente. Seu último projeto foi como diretor geral da na nova série do Globoplay, “Betinho: No Fio da Navalha”, sobre a vida do sociólogo e ativista pelos direitos humanos Herbert José de Souza, conhecido como Betinho. A obra, que estreou dia 1° de dezembro, traz Julio Andrade no papel do protagonista e nomes como Humberto Carrão, Leandra Leal e Andréia Horta no elenco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui