Início » Carroselfie: o projeto gratuito que ensina fotografia na maior favela do Brasil

Carroselfie: o projeto gratuito que ensina fotografia na maior favela do Brasil

Em sua terceira edição, ação traz a Mobigrafia, ou seja, fotografias feitas a partir de aparelhos celulares, como ferramenta de apoio ao crescimento profissional, além de exposição na Biblioteca Parque Rocinha C4

por Redação
Projeto Carroselfie na Rocinha.

Como vamos fotografar? Qual a nossa perspectiva sobre o assunto? Qual a nossa opinião? A que ponto queremos chegar com o material a ser produzido? Esses são alguns dos questionamentos que serão respondidos pelo fotógrafo e documentarista carioca Tercio Teixeira – fundador do coletivo R.UA, fotocoletivo formado por 4 fotógrafos que buscam um trabalho autoral e independente -, na terceira edição do Projeto Carroselfie, um programa de experiências voltadas ao universo da Mobigrafia, fotos tiradas a partir de aparelhos de celular, conhecidos popularmente como smartphones.

Durante as próximas semanas, acontecerão algumas edições das oficinas gratuitas de Mobigrafia na Biblioteca Parque Rocinha C4. Depois de passar pela Mobigrafia de skate, com o fotografo Júlio Tio Verde, e pela Mobigrafia de criação de conteúdo com o fotográfo mobile e mentor, Igor Helal. Qualquer morador da cidade do Rio de Janeiro poderá participar, as inscrições são feitas no próprio local, 1 hora antes das oficinas acontecerem, a entrada é gratuita. A próxima edição acontece no dia 28 de maio às 10h.

Com o patrocínio da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, o Projeto Carroselfie é desenvolvido pela Agência Trinity, empresa especializada em Marketing de Causa, ou seja, o desenvolvimento de projetos culturais e esportivos fortemente ligados à causas de impactos socioeconômicas e ambientais, procurando sempre trazer benéficos sustentáveis e geração de valores intangíveis para a sociedade, além de ser o elo entre a iniciativa privada e o setor de economia criativa na viabilização e realização de novos projetos nesses segmentos.

O Carroselfie promove a arte de novos talentos da fotografia, fomenta uma cultura de capacitação profissional e estimula a geração de renda extra entre jovens em situação de vulnerabilidade social. As empresas incentivadoras ativam sua responsabilidade social, a prefeitura cumpre seu papel de fomento à cultura nas comunidades e a sociedade usufrui do exercício de cidadania promovido pelo projeto.” Afirma Fernando Oliveira, à frente da Trinity.

Comecei registrando tudo com celular emprestado, não tinha nem o meu próprio, mas foi importante começar de algum lugar! Hoje, além de ter autonomia, trago orgulho pra minha comunidade e posso provar para as pessoas de fora que existe sim beleza, amor e união dentro dos becos das favelas!” Disse Salem, uma moradora da comunidade da Rocinha, fotografa profissional e embaixadora oficial desta edição do projeto, conhecida nas redes sociais como @afotogracria, falando da importância da Mobigrafia para alavancar sua carreira fotografando o dia a dia da maior favela do Brasil.

As oficinas se dividem em dois pilares: O primeiro são as aulas teóricas, onde os instrutores passam diretrizes gerais acerca do tema, tendo um momento de interação e troca de experiência com os alunos. E o segundo pilar são as aulas práticas, quando são realizados exercícios de execução das técnicas, dando-se prioridade à produção de conteúdos fotográficos feitos com o celular.

A ação está diretamente em linha com 2 (duas) das ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) estabelecidas pela ONU, sendo elas: ODS nº 8 (trabalho decente e crescimento econômico); ODS nº 10 (redução das desigualdades).

Outra atração desta edição do projeto Carroselfie na Rocinha, está sendo a nova montagem da Exposição “MEU OLHAR DO AMANHÃ – Uma visão do futuro sobre a perspectiva dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS”, com as10 Mobigrafias vencedoras do concurso de Mobrigrafia realizado no site do projeto (www.carroselfie.com.br), sendo elas:

  • Deixa o garoto brincar (Baía de Guanabara). – Autor: Nayane Silva
  • Aos olhos de uma criança, redução das desigualdades (sociais). – Autor: Gabriel Rocha
  • Lutar por um futuro. – Autor: Maria Cristina
  • O Velho e o Novo. – Autor: Levi de Andrade Meirelles
  • Redução das desigualdades. – Autor: Patrick Marques
  • O Futuro é uma criança em cima do muro. – Autor: Jeniffer Zenezi
  • A sede da infância. – Autor: Maria Cristina
  • Impacto Ambiental Negativo – Cidades e comunidades sustentáveis. – Autor: Thadeu da Silva Costa
  • A Favela tem sede. Sandra Lima
  • Arpoador, dócil sol, redução das desigualdades (sociais) – Autor: Gabriel Rocha
  • A exposição está à disposição do público no primeiro andar da Biblioteca Parque Rocinha C4 e permanecerá até o dia 28 de maio.

A exposição ficará disponível no local até o dia 04 de junho e a entrada é franca.

SERVIÇO:

Projeto Carroselfie

Oficinas: Mobigrafia – Série de oficinas gratuitas, ministradas por profissionais de grande experiência no mercado da fotografia.

Local: Biblioteca Parque Rocinha C4 – Estr. da Gávea, 454 – Rocinha

Data: 28 de maio.

Horário: das 10 às 15h.

Entrada: franca

Informações: carroselfie@agenciatrinity.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via