Início » Em cartaz na Casa de Cultura Laura Alvim, projeto 35 Anos de Laura terá programação gratuita prorrogada até 2023

Em cartaz na Casa de Cultura Laura Alvim, projeto 35 Anos de Laura terá programação gratuita prorrogada até 2023

Apresentada pela PRIO e idealizada pela Constelar, de Tatianna Trinxet, a exposição imersiva sobre a vida e obra de Laura Alvim, que fica em cartaz até o dia 26 de março, conta com apresentações da performance teatral Fragmentos de Laura

por Redação
Performance - Carol Santorini

Diante do sucesso de público e pela riqueza e ineditismo que apresenta a vida e história de Laura Alvim, o projeto 35 anos de Laura, que contempla uma exposição inédita, imersiva e gratuita sobre a mulher que viveu ali, filha do médico Álvaro Alvim, pioneiro no uso de raios-X no Brasil, e neta de Angelo Agostini, precursor da caricatura nacional, será prorrogada até o dia 26 de março de 2023. A mostra segue em cartaz na Casa de Cultura Laura Alvim, de quarta a domingo, das 13h às 20h, com apresentação da performance Fragmentos de Laura, às sextas, sábados e domingos, das 18h às 20h. 

Apresentada pela PRIO (antiga PetroRio), maior companhia independente de óleo e gás do Brasil, e idealizada pela Constelar, de Tatianna Trinxet, com apoio institucional da Funarj, o projeto, que celebra os 35 anos de existência da Casa de Cultura Laura Alvim, apresenta ao público obras de arte, mobiliários, louças, fotografias e outros itens do acervo original da família Alvim dos tempos em que Laura viveu no casarão, antes dele se tornar um centro cultural, em 1986, como ela sempre sonhou. 

Com a exposição, o acervo cultural e museológico passaram a fazer parte da casa em um espaço permanente, o Memorial Laura Alvim, como um presente aos cariocas. Outras atrações também chamam a atenção como o enorme e elegante banheiro cor de rosa, que funcionava como um camarim para Laura; o pequeno palco, com cadeiras refletidas, que resgata a memória afetiva dos encontros com grandes nomes da arte como Fernanda Montenegro, Bibi Ferreira, Darcy Ribeiro e Tônia Carrero;  e a sala de jantar com imagens de documentos, fotos e objetos históricos da família, e um time-lapse de 24 horas da vista da praia de Ipanema, filmada diretamente da varanda de onde Laura contemplava o mar.

A convite da Constelar, que também assina a curadoria da exposição, o circuito instalativo e texto curatorial foram criados pelo coletivo Uncool Artist, baseado em Nova York, que selecionou, entre seus integrantes, sete artistas visuais (cinco brasileiros, uma mexicana e uma estadunidense) para conceber o trabalho que proporciona uma experiência imersiva, tendo como ponto de partida a relação sensorial com a memória. A cenografia é assinada pelo artista visual e cenógrafo José Marton. 

Ponto alto da mostra, a performance Fragmentos de Laura tem arrancado elogios dos visitantes que ficam encantados com a apresentação das cinco atrizes que relembram momentos marcantes da vida de Laura Alvim, por meio de encenações lúdicas e inusitadas de 30 minutos, sob a direção de Daniel Herz. O time é composto por Verônica Reis, que  recebe as pessoas no início da exposição e fala sobre a casa, doada para o Governo do Estado do Rio em 1983; Carolina Santorini, que, na sala de jantar, apresenta as conversas em família entre Laura, a irmã e o pai, que a impedia de atuar como atriz profissionalmente; Raabe Roque, que circula pela varanda, incorporando os momentos de cantoria da anfitriã e admiração pelo mar; Roberta Brisson, que atua no pequeno palco construído em casa por Laura para ela encenar; e Deise Manttuano, que, no suntuoso banheiro, interpreta Laura Alvim fazendo uma análise de como conduziu sua vida até os últimos dias.

Sobre o projeto 35 anos de Laura

O projeto 35 anos de Laura é resultado de um processo de licitação vencido pela produtora Constelar, da empresária do setor de economia criativa, Tatianna Trinxet, e ganhou força ao ser abraçado pelo Presidente do Conselho da PRIO, Nelson Queiroz Tanure, incentivando todo o conjunto de ações em prol da história da Casa de Cultura Laura Alvim.  

“A PRIO tem tanto orgulho de ser carioca, que leva RIO até no nome. E, apoiar as iniciativas culturais dessa cidade que respira arte faz todo sentido para nós, está em nosso DNA. A Casa de Cultura Laura Alvim tem grande representatividade no nosso cenário cultural, principalmente, por ser a concretização do sonho da sua idealizadora, que nunca desistiu de usar seu lar como meio de democratizar o acesso à arte. Estamos muito honrados em fazer parte dessa nova fase desse importante ícone cultural local”, destaca Nelson Queiroz Tanure, Chairman da PRIO.

Para Tatianna Trinxet, a Casa de Cultura Laura Alvim é vanguarda e diversidade, uma multiplataforma de cultura e talentos em um dos maiores celeiros de tendências do Rio, a praia de Ipanema. “É um espaço que resistiu e persistiu, nos últimos 35 anos, de forma democrática e elegante. É maravilhoso ver o público se conectar e se emocionar com as histórias de Laura, nos ajudando a escrever um novo capítulo de boas memórias”, ressalta. 

Em 2021, o projeto foi vencedor de um edital realizado pela FUNARJ, e financiado pela Lei de Incentivo à Cultura. “Esse importante projeto concretiza parte da proposta da casa, que é mostrar ao público a história das tradicionais dependências do espaço cultural, bem como a maneira altruísta de vida de Laura Alvim. Ela abriu as portas da sua residência para inúmeros artistas, realizava saraus, criou o Teatro Laura Alvim, enfim, foram tantas iniciativas que, aos olhos do público, ganham o devido reconhecimento do papel e relevância desta importante e fundamental personagem na história da nossa cultura”, afirma José Roberto Gifford, presidente da FUNARJ.

Acessibilidade

A exposição conta com um time de educadores e monitores, parte deles bilíngues, para visitas mediadas e atendimento ao público em geral. No percurso, há QR codes que ativam conteúdos em Libras, legenda em português e narração dos textos. “Viabilizamos o melhor acesso das pessoas de um modo geral e é importante que todos se sintam acolhidos e pertencentes à exposição”, explica Rafaela Zanete, responsável pelas ações educativas e de acessibilidade. O agendamento para visitas mediadas pode ser feito em exposicao35anosdelaura@produtoraconstelar.com

Iniciativas socioeducativas 

O projeto 35 anos de Laura também conta com contrapartidas socioeducativas, como oficinas de teatro já ministradas pelos diretores Daniel Herz e Maria Rita Rezende. “A Laura Alvim foi uma mulher revolucionária que reconhece o valor da cultura e faz do seu patrimônio individual um patrimônio coletivo. Me sinto abençoado de ter neste espaço cultural tão valioso a oportunidade de, na posição de professor, estar sempre aprendendo, descobrindo, experimentando”, ressalta Daniel. 

Sobre a Casa de Cultura Laura Alvim: Gerido pela Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro – FUNARJ, vinculada à Secretaria do Estado de Cultura, do Rio de Janeiro. Situado no bairro de Ipanema, a casa foi inaugurada em 12 de maio de 1986, cumprindo as determinações de Laura Alvim, que doou a casa para o Governo do Estado do Rio. O espaço também tem como objetivo preservar a memória de Álvaro Alvim, pai de Laura e importante médico radiologista e no tratamento de câncer, e de Ângelo Agostini, avô materno da doadora, precursor da caricatura nacional, com papel de destaque na abolição da escravidão e no advento da República, através de suas sátiras e críticas políticas.

Sobre a PRIO: 

A PRIO (ex-PetroRio) é a maior empresa independente de óleo e gás do Brasil, pioneira na recuperação e aumento da vida útil de campos em produção. Com seus ativos localizados na Bacia de Campos, a empresa busca a eficiência operacional com a otimização de processos, emprego de novas tecnologias e soluções inovadoras que visem a diminuição de custos, sempre com a premissa da excelência e da segurança das operações. A PRIO vem crescendo por meio de aquisições. Graças aos constantes resultados positivos teve uma forte valorização passando a fazer parte do índice B3, principal da bolsa brasileira em 2020. A companhia tem investido em ações ligadas ao esporte, à saúde, à educação e à arte. Em alguns casos, envolvendo mais de um desses eixos. www.prio3.com.br

Serviço:  Exposição “35 anos de Laura”

Data: 28 de setembro a 26 de março de 2023
Endereço: Av. Vieira Souto, 176 – Ipanema, Rio de Janeiro
Horário: De quarta a domingo, das 13h às 20h
Entrada gratuita – retirada de senha no local ou pela Sympla (https://www.sympla.com.br)
Apresentação da performance Fragmentos de Laura: de sexta a domingo, das 18h às 20h
Retirada de senha no local ou pela plataforma Sympla (https://www.sympla.com.br)
Capacidade de público: 100 pessoas
Visitas guiadas para escolas, de quarta a sexta, com agendamento prévio através do e-mail: contato@produtoraconstelar.com
Instagram e Facebook: @produtoraconstelar
Agendamento para visitas mediadas: exposicao35anosdelaura@produtoraconstelar.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via