Início » Érica Attanazio apresenta Antônimos 

Érica Attanazio apresenta Antônimos 

por Shirley M. Cavalcante

Érica Jardim Attanazio Rodrigues, 42 anos. Érica é filha de Salvador e Maria de Lourdes, casada há 18 anos com Roberto César (seu primeiro namorado) e tem dois filhos gêmeos de 15 anos, Arthur e Matheus. É professora da rede pública da cidade do Rio de Janeiro há 20 anos e atua no ensino fundamental I e Educação Infantil. É bacharel e licenciada em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. A escrita e a leitura sempre fizeram parte da sua vida desde a infância, pois recebeu de seus pais uma criação voltada para os livros de literatura brasileira e estrangeira, além de conhecimentos acerca da história da humanidade. Érica também recebeu incentivo por parte de seus professores por demonstrar desenvoltura na escrita ao longo da sua vida escolar, tendo diversas vezes sido premiada em concursos de escrita.

“Ao ler o livro tem-se a nítida impressão de que a história poderia ser real, não apenas pelo pano de fundo histórico inspirado na realidade, mas principalmente pela construção dos relacionamentos de amizade e família, muito aproximado do que qualquer um de nós poderia ou possivelmente possa ter vivido.”

Boa leitura!

Escritora Érica Attanazio, é um prazer contarmos com a sua participação no Sopa Cultural, conte-nos, o que a motivou a ter gosto pela arte de escrever?
Érica Attanazio – Desde muito cedo eu tive incentivo por parte dos meus familiares, tendo acesso a varias opções de leitura, incluindo literatura e conhecimento da humanidade. Também tive incentivo por parte dos meus professores (de escolas públicas do Rio de Janeiro) que ao perceberem o dom desde a infância, me estimularam a aprofundar-me ainda mais acerca da literatura e obter conhecimento e inspiração.

O que a inspirou a escrever “Antônimos”?
Érica Attanazio – A história começou a ser pensada na década de 90 (período da minha adolescência), a partir da observação das coisas que eram pertinentes e que compunham o dia a dia de jovens entre 15 e 20 anos.  Os personagens foram moldados com elementos comportamentais de vários amigos e familiares, extraindo as melhores essências. A história tem como “um personagem secundário” os elementos desta década retratada (anos 90 do século XX), como os meios de diversão da época, músicas, costumes e até acontecimentos verdadeiros que foram entrelaçados na história do livro, além de locais reais que serviram como cenário. Assim conclui-se que a juventude da década de 90 e suas várias nuances pré século XXI, os relacionamentos amorosos e de amizade, foram as principais inspirações para a obra.

Apresente-nos a obra
Érica Attanazio – Cristina e Anderson são os protagonistas, eles são dois adolescentes descobrindo as delícias e dores do primeiro amor. 

Aparentemente são opostos (o que explica o título “Antônimos”), e isso gera inúmeras discordâncias, mas também os leva a um processo de autoconhecimento e interiorização, também de busca e amadurecimento.

(Sinopse oficial da capa do livro)

O dia e a noite, a alegria e a tristeza, o amor e o ódio. Palavras antônimas, opostas, duas faces de uma mesma moeda, uma sem outra não tem razão de existir…

Anderson e Cristina. Ele, narcisista, conquistador, manipulador, praticamente nunca soube o significado da palavra “não”. Ela, tímida, insegura, medíocre na sua própria percepção. O que eles têm em comum? Absolutamente nada…

Na lei da física, duas cargas elétricas se atraem se tiverem sinais opostos. Assim como nessa lei, Anderson e Cristina, dois opostos são atraídos um para o outro numa espécie de magnetismo tão absurdamente insuportável, que se torna impossível resistir apesar dos choques e descargas elétricas.

Na última década do século XX, nasce uma história de amizade, companheirismo e de um amor que de tão profundo é capaz de virar-nos do avesso, revelando assim que essa pode ser a melhor parte que temos em nós.

O que mais a atrai no enredo que compõe a obra?
Érica Attanazio – O romance em si que é possível de ser sentido pelo leitor através das descrições detalhadas de sensações e sentimentos por parte das narrativas de Anderson e Cristina. Outra “cereja do bolo”, são as relações de amizades que tecem uma história profunda de sentimentos verdadeiros e parceria construída e levada para o resto da vida. Ao ler o livro tem-se a nítida impressão de que a história poderia ser real, não apenas pelo pano de fundo histórico inspirado na realidade, mas principalmente pela construção dos relacionamentos de amizade e família, muito aproximado do que qualquer um de nós poderia ou possivelmente  possa ter vivido. Desta forma, muitos leitores se identificaram com o romance, tendo a impressão de ter viajado no tempo para a melhor época das suas vidas. 

Apresente-nos os principais personagens da obra e os critérios que foram utilizados para escolha dos nomes.
Érica Attanazio – Anderson é o personagem masculino principal, começa a história com quinze anos, é um garoto mimado que não se importa com os sentimentos das pessoas. Ele é descendente de judeus (por parte da sua mãe), mas ainda assim cresceu desenvolvendo vários tipos de preconceitos oriundos da sua educação condescendente.

Cristina é a personagem principal feminina, ela inicialmente é uma menina tímida que sofreu bulling no início da adolescência e leva consigo muitas ressalvas a respeito de sua aparência. Ao descobrir seu primeiro amor, também entra num processo de autodescoberta, crescendo enquanto personagem, deparando-se com uma força inata e uma personalidade encantadora e apaixonada assim como contagiante.

Calvin é primo e melhor amigo de Anderson, confidente, conselheiro e eleito por unanimidade pelos leitores como o melhor personagem da história, por sua personalidade extrovertida e expressiva. Ana Cláudia, é a melhor amiga da Cristina, é muito extrovertida e verdadeira, não tem “papas na língua”. Sidney (Ney) e Isabelle são outros dois amigos que integrarão o quadro das amizades, eles crescem como personagens ao longo da história.

Os critérios de escolha de nomes foi a inspiração dos nomes mais utilizados na época retratada.

Onde podemos comprar o seu livro?
Érica Attanazio – O livro está disponível nos seguintes sites de vendas: Drago Editorial, Amazon (também na versão e-book no Kindle), Casas Bahia, Ponto Frio, Extra, Lojas Americanas, Subamarino e Shoptime.

Quais os seus próximos projetos literários?
Érica Attanazio – O volume dois de Antônimos já está sendo escrito e além deste projeto ainda tenho outro em andamento que é uma história de época com cunho de suspense e romance.

Quais os principais objetivos a serem alcançados na área literária?
Érica Attanazio – Desejo principalmente que minhas histórias sejam conhecidas pelo máximo de pessoas possíveis e que os meus personagens encantem a todos. Espero continuar escrevendo e trazendo alegria e leveza para a vida das pessoas, assim como fazê-las refletirem sobre si mesmas, inspiradas em meus personagens e suas histórias.

Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista. Muito bom conhecer melhor a escritora Érica Attanazio. Agradecemos sua participação no Sopa Cultural. Que mensagem você deixa para nossos leitores?
Érica Attanazio – A literatura assim como a música, o cinema, a TV,  tem como principal objetivo entreter, mas a sua real importância está em trazer uma nova ótica acerca da nossa própria vida. Não é raro encontrarmo-nos num momento de reflexão ao ouvir uma música escrita com maestria com métricas bem elaboradas e combinadas ou ao ler um bom livro que nos faz mergulhar num outro mundo ou realidade (mas que ainda nos faz meditar em sua poesia e reflexões aprofundadas). Algo semelhante acontece em filmes e romances, séries e novelas. Enfim, a arte desde a antiguidade eleva o ser humano e muitas vezes é através dela que transcendemos, portanto leiam, reflitam e busquem cada vez mais conhecimentos para as suas vidas. Ah, leiam Antônimos e me sigam no Instagram autora_ericaattanazio.

Divulga Escritor, unindo você ao mundo através da Literatura
Quer ser entrevistado? Entre em contato com nosso editorial, apresentaremos proposta.
Contato: smccomunicacao@hotmail.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Não estou interessado em compartilhar. Clique aqui para voltar para o conteúdo!
This window will automatically close in 10 seconds
Share via