Início » Flávio Augusto homenageia 200 anos da Música de Câmara no Brasil, quinta-feira, 27/10, no Museu da Justiça

Flávio Augusto homenageia 200 anos da Música de Câmara no Brasil, quinta-feira, 27/10, no Museu da Justiça

Com entrada gratuita, pianista renomado convida a soprano Carol McDavit, o barítono Marcelo Coutinho e o violinista Ricardo Amado para uma “viagem” erudita brasileira, de Carlos Gomes aos compositores contemporâneos

por Redação
Foto: Raquel Silva

Em homenagem aos 200 anos de Independência do Brasil, através do edital Retomada Cultural RJ2, com o apoio institucional do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, o conceituado pianista Flávio Augusto irá receber no Salão Nobre do Museu da Justiça, quinta-feira, 27 de outubro, às 18:30h, a soprano Carol McDavit, o barítono Marcelo Coutinho e o violinista Ricardo Amado. Juntos, apresentarão o recital “SARAU BRASILEIRÍSSIMO! Um panorama da Música de Câmara nos 200 anos da independência do Brasil”. Com produção executiva de David Motta – profissional que vem se destacando em produções de diversos concertos e recitais –  o concerto promove uma “viagem musical” passando por importantes compositores como Chiquinha Gonzaga, Alberto Nepomuceno, Ernesto Nazareth e Villa-Lobos, entre outros.

Flávio Augusto

Com mais de duas dezenas de prêmios nacionais e internacionais – em 1988, tornou-se o primeiro brasileiro a conquistar o 1º lugar do Concurso Internacional de Piano “Villa-Lobos”, no Rio de Janeiro – Flávio Augusto nasceu em Poços de Caldas (MG) e iniciou seus estudos de piano aos quatro anos de idade, tendo como professores os pianistas Homero de Magalhães, Gilberto Tinetti e Myrian Dauelsberg. Concluiu os cursos de Bacharelado em Piano e Licenciatura em Música pelo Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro; Pós-Graduação em Filosofia pela Universidade Estadual de Montes Claros, MG; e Mestrado em Piano – Práticas Interpretativas – pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Desde os treze anos têm sido solista das principais orquestras do País, em palcos importantes como os Teatros Municipais do Rio de Janeiro e de São Paulo, a Sala Cecília Meireles do Rio de Janeiro, o Teatro Nacional de Brasília e a Sala São Paulo. No Brasil, já se apresentou em quase todos os Estados, atuando isoladamente ou ao lado de grandes cantores e instrumentistas. No exterior, já se apresentou em importantes salas de concerto dos Estados Unidos, França, Alemanha, Suíça, Itália, Espanha, Portugal, Bélgica, Áustria, Finlândia, Londres, Nova Zelândia, Venezuela, Chile, Paraguai, Guatemala e Costa Rica.

SERVIÇO:

Dia 27/10, quinta-feira – Pianista Flávio Augusto apresenta “SARAU BRASILEIRÍSSIMO! Um panorama da Música de Câmara nos 200 anos da independência do Brasil”

*Carol McDavit (soprano); Marcelo Coutinho (barítono) e Ricardo Amado (violino)

Local: Museu da Justiça – Salão Nobre

Horário: 18:30h

Endereço: Rua Dom Manoel 29, Centro.

Classificação Etária: livre

Entrada gratuita

Programa:     

Modinha/Lundú                        Dueto: O último adeus de amor

        Vem cá, minha companheira

        Hei de amar-te até morrer

Chiquinha Gonzaga                 Lua branca

        Morena

        Gaúcho (O Corta-Jaca)

        Dueto dos pombos

Ernani Braga                            São João da-ra-rão

Alberto Nepomuceno              Xácara

Ernesto Nazareth                     A florista

Lorenzo Fernandez                  Berceuse da onda

Heitor Villa-Lobos                    Canção do poeta do Séc. XVIII

                                                   Food for Thought

Francisco Mignone                  Improviso

Claudio Santoro                      Acalanto da Rosa

Ronaldo Miranda                     Noite e dia

Edmundo Villani-Cortes         Papagaio azul

Osvaldo Lacerda                     Dueto: Ponto de Mãe Sereia

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via