Início » “Frágil – Fora da Caixa” estreia dia 03 de junho no Teatro Cândido Mendes em Ipanema

“Frágil – Fora da Caixa” estreia dia 03 de junho no Teatro Cândido Mendes em Ipanema

Comédia dramática faz um apelo bem-humorado e poético para que as mulheres abracem suas mudanças e não se limitem pela idade

por Redação
Frágil

O Teatro Cândido Mendes recebe, de 03 a 26 de junho, de sexta a domingo sempre às 20h, a comédia dramática Frágil – Fora da Caixa. Com direção de Marcos Ácher e dramaturgia e atuação de Dani Fritzen e Mario Neto, o espetáculo conta a história de Ana, uma mulher de 40 anos, recém-separada e de mudança para uma nova casa.  “A peça faz um apelo bem-humorado e poético para que as mulheres abracem suas mudanças, sejam elas de relação, de endereço, de profissão, de hábitos, de religião… O importante é se conhecer e se permitir alçar novos voos, sem se bloquear por causa da idade”, enfatiza Dani, que resolveu por meio da sua escrita compartilhar seu processo de mudança com pessoas inquietas e sedentas por “algo mais”, como ela. “Além da parceria no palco eu incluí toques de humor na dramaturgia, conferindo leveza e fluidez para as cenas sem perder a densidade que elas trazem”, acrescenta Mario Neto.

Em um palco tomado por caixas de papelão repletas de objetos e recordações, Ana divide a sua jornada de recomeço e autoconhecimento com Edu, seu alter ego e amigo.  Juntos eles falam de infância, família, felicidade, vulnerabilidades, padrão de beleza, prazer feminino, relação abusiva, religião, envelhecimento, fragilidades, convergindo para a reflexão central da peça: é possível mudar de vida depois dos 40 anos? “Não existe uma fórmula para felicidade. Existe um caminho a ser percorrido. No meio dele podemos mudar a rota e descobrir boas surpresas! Há vida depois dos 40!”, pontua Dani, que depois de publicar 10 livros infantojuvenis (sendo que quatro já foram adaptados para os palcos), se arrisca no primeiro texto para o teatro adulto, em parceria com Mario Neto.

Frágil – Fora da Caixa estreou em 2021 no formato online e em março do mesmo ano se apresentou presencialmente no Theatro Municipal de Niterói, contemplado pelo Edital da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (SECEC), com patrocínio do Governo Federal através da Lei Aldir Blanc. Em 2022 a peça faz a sua estreia na capital fluminense em uma versão mais intimista no palco do Teatro Cândido Mendes, onde o espectador se sente dentro da casa da Ana.

“Quando tomamos decisões, temos que lidar com as consequências e isso, por vezes, mete medo. Perceber nossas fragilidades e enfrentá-las não é tarefa simples, mas existe solução melhor? Podemos ser felizes ignorando-as ou deixando que elas se tornem maiores do que são? Isso me interessa! Pensar o ser humano me interessa. Por isso a comédia dramática “FRÁGIL- Fora da Caixa” existe. É disso que queremos falar”, finaliza Marcos Ácher.

Sinopse:

Uma mulher de 40 anos, recém-separada e de mudança para uma nova casa, divide com o seu alter ego e amigo sua jornada de transformação e autoconhecimento. A dupla fala, entre outras coisas, de vulnerabilidades, escolhas, prazer feminino, família, envelhecimento, relacionamento. A montagem faz um apelo bem-humorado e poético para que as mulheres abracem suas mudanças, sejam elas de relação, de endereço, de profissão, de hábitos, de religião. O importante é sair da caixa e se permitir alçar novos voos, em qualquer idade ou momento de vida.

SERVIÇO:

  • Frágil – Fora da Caixa
  •  Onde: Teatro Candido Mendes
  • Temporada: de 3 a 26 de junho
  • Quando: Sex a Dom, às 20h
  • Endereço: Rua Joana Angélica 63 – Ipanema
  • Tel: 3149-9018
  • Ingresso: R$ 60 (inteira), R$ 30 (meia)
  • Venda pelo Sympla:  https://bileto.sympla.com.br/event/73592/d/140224
  • Faixa etária: 14 anos
  • Duração: 60 min
  • Capacidade: 103 lugares
  • Instagram: @fragilforadacaixa

Ficha Técnica

  • Dramaturgia: Dani Fritzen
  • Colaboração: Mario Neto
  • Direção: Marcos Ácher
  • Elenco: Dani Fritzen e Mario Neto
  • Produtora executiva: Angélica Crispino
  • Produção: Mariana Curvelo
  • Produção e mídias sociais: Reny Oliveira
  • Figurino: Lú Victer Ateliê2
  • Iluminação: Raphael Grampola
  • Som: Renato Badeco
  • Assessoria de Imprensa: Lyvia Rodrigues (Aquela Que Divulga)
  • Realização: Amado Produções.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via