iVegan: O único aplicativo de restaurantes 100% vegano do Brasil

Lançado recentemente pela dupla de empresários Gisele de Lucas e João Paulo Alves, o aplicativo iVegan transformará o ato de encontrar restaurantes com opções veganas nas proximidades e pedir comida delivery.

A plataforma, disponível para o Rio de Janeiro e em expansão para outros estados, reúne restaurantes que oferecem em seus cardápios pratos 100% veganos, permite a geolocalização de restaurantes e oferece a opção de delivery para os usuários. Além disso, possui uma busca avançada por ingredientes (que também filtra opções sem glúten, sem açúcar e orgânicos – nenhum outro aplicativo possui essa funcionalidade). É o primeiro aplicativo de delivery vegano do Brasil e certamente o mais completo do mercado.

“Surgido de uma necessidade pessoal e, portanto, desenvolvido para facilitar a vida de quem busca opções livres de ingredientes de origem animal, o iVegan foi desenvolvido de forma que também se desse visibilidade aos restaurantes que atendem esse nicho do mercado”, explica Gisele de Lucas. “A demanda por uma alimentação mais consciente é crescente. É uma tendência global. Oferecemos uma plataforma única para restaurantes investirem nesse nicho, divulgarem seus serviços e prosperarem em suas vendas. Assim, com uma maior oferta e mais fácil acesso, é natural que mais pessoas se sintam mais confortáveis em fazer escolhas de consumo mais conscientes e saudáveis. ”

Funcionalidades:

Excelente para conhecer restaurantes, a geolocalização mapeia opções veganas nas proximidades. Fornece também informações do cardápio, horário de funcionamento, formas de pagamento e mostra se o estabelecimento é vegano ou simpatizante (restaurante convencional que oferece algumas opções veganas em seu cardápio). Este serviço é gratuito para restaurantes.

O delivery dá ao usuário a possibilidade de escolhas variadas, entre pizzas, hambúrgueres, sushis, salgados, comidas típicas, artesanais, caseiras e inúmeras outras. Os restaurantes que habilitam essa funcionalidade, pagam a menor taxa de conveniência do mercado.

A busca avançada permite ao usuário encontrar pratos com ingredientes específicos. “Muitas vezes, nós veganos escolhemos o que vamos comer pelo ingrediente – antes mesmo de saber o quê, sabemos com o quê – e achar várias opções de pratos com determinado ingrediente é uma praticidade que merecemos”, comenta Gisele.

O aplicativo já conta com restaurantes veganos tradicionais do Rio de Janeiro, como o Refeitório Orgânico e o Vegetariano Social Clube, bem como restaurantes da nova geração, como o Prana Vegetariano e o Hare Burger. Até o momento, a plataforma possui mais de 60 restaurantes cadastrados.

O iVegan é gratuito, está disponível na Apple Store e na PlayStore e em breve ganhará o mundo. “Temos recebido muitos pedidos de usuários de diversas cidades do Brasil e, inclusive temos dados de usuários que baixaram o aplicativo em outros países da América do Sul, na América do Norte e Europa. A busca por um facilitador na vida de veganos e simpatizantes cria um nicho em crescimento”, analisa João. Ele complementa, “Estamos nos organizando para que a expansão para outras capitais ocorra de forma estruturada, mantendo o serviço e a proximidade que temos com nossos parceiros”.

Segundo os empreendedores, o faturamento do aplicativo dobrou do primeiro para o segundo mês e a quantidade de pedidos mais que triplicou desde o seu lançamento a três meses atrás. A expectativa de crescimento é grande, devido a aderência crescente de restaurantes e usuários.

Os desenvolvedores:

Gisele L. Mendes é adepta da filosofia vegana e idealizadora da start up iVegan. Com vasta experiência na área comercial, ocupa nos últimos seis anos a posição de Gerente Comercial em setores bem distintos, tanto no Brasil como no exterior.

João Paulo Braga, vegetariano e simpatizante da filosofia vegana, ingressou no projeto para desenvolver toda a parte técnica do aplicativo. Possui mais de uma década de experiência no mercado de TI.

Ela, durante cinco anos abandonou o consumo de carne vermelha e aves, dando seu primeiro passo para adotar a filosofia vegana, da qual é adepta há quase três anos. Voltou de uma viagem filosófica à Índia com o desejo de unir seu conhecimento empresarial à propagação da vida saudável através do aplicativo. Durante um MBA em Gestão de Negócios, compartilhou sua ideia com um colega, que se disponibilizou a cuidar da parte técnica da empreitada. Esse amigo era, além de vegetariano e simpatizante da causa vegana, um dos poucos especialistas em desenvolvimento mobile no Rio de Janeiro. Sete meses depois, a dupla lançava o iVegan, uma empresa consciente, com objetivos que vão muito além do lucro por si só.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here