Início » Maestro Carlos Prazeres cria programação especial para despedida do verão e aniversário de 40 anos da OSBA em 2022

Maestro Carlos Prazeres cria programação especial para despedida do verão e aniversário de 40 anos da OSBA em 2022

por Redação

A Orquestra Sinfônica da Bahia foi criada no dia 30 de setembro de 1982 e este ano comemora 40 anos. Para celebrar a data, o maestro e diretor artístico Carlos Prazeres preparou uma programação especial: dia 11 de março aconteceu o concerto de abertura da temporada da série Jorge Amado (TCA); dias 17 e 18 de março haverá o Cine Concerto (TCA) e no dia 1º de abril, o Sarau da Mentira (TCA).

Um dos programas da orquestra mais prestigiados pelo público, o aguardado CINE CONCERTO acontece em dois dias na Sala Principal do TCA (17 e 18/03), 5ª e 6ª feira, e faz uma homenagem aos grandes compositores que se dedicam à Sétima Arte, com destaque especial para o premiado americano John Williams (1932) – que em 2022 completa 90 anos. Com diversas indicações ao Oscar, ele tem cinco prêmios da Academia e coleciona músicas de sucessos como ‘A lista de Schindler’, ‘Jurassic park’, ‘Star Wars’, ‘E.T.’, ‘Harry Potter’, entre outras. A apresentação do dia 18, 6ª feira, será transmitida ao vivo pelo canal da orquestra no YouTube.De 21 a 27 de março, Carlos Prazeres estará em Bogotá para reger dois concertos como maestro convidado da Orquestra Filarmônica de Bogotá, principal orquestra sinfônica da Colômbia, fundada em 1967.

Ele retorna em tempo de reger, no dia 1º de abril, 6ª feira, o Sarau Myriam Fraga, criado em 2014 e batizado com o nome da jornalista e poeta baiana. Voltado para a poesia e para o diálogo entre a música de câmara e outras expressões artísticas, nesta edição o sarau ganhou o apelido bem-humorado de Sarau da Mentira, devido à data.

O Concerto de Abertura da temporada (11/03), 6ª feira, fez parte da série Jorge Amado e destacou as obras dos compositores alemães Carl Reinecke (1824-1910) e Johannes Brahms (1833-1897). Reinecke é tido como um dos compositores mais versáteis do seu tempo e Brahms foi o primeiro compositor que fez sucesso depois de Beethoven. Ele apresentou sua 1ª sinfonia aos 43 anos, ou seja, uma obra que carrega a sua maturidade musical e tem total sinergia com o aniversário da OSBA. O solista da noite foi o premiado flautista Lucas Robatto.

Maestro Carlos Prazeres

Como maestro convidado, Prazeres tem dirigido importantes conjuntos sinfônicos tais como a Orchestre National des Pays de la Loire, Sinfônica de Roma, Orquestra da Arena de Verona, Sinfônica Siciliana, Sinfônica de Helsingborg, Orquestra Cherubini, Orquestra Internacional do Festival de Riva del Garda, Youth Orchestra of the Americas, Junge Philharmonie Salzburg, Filarmônica de Montevideo, Filarmônica de Bogotá, Filarmônica de Buenos Aires do Teatro Colón, Filarmônica de Mendoza, Orquestra do Instituto Politécnico do México, OSESP, Filarmônica de Minas Gerais, Orquestra Petrobras Sinfônica, Orquestra do Theatro Municipal do RJ, Filarmônica de Goiás, Orquestra Amazonas Filarmônica, Sinfônica de Porto Alegre (OSPA), OSUSP, Sinfônica de Campinas, Jazz Sinfônica de São Paulo, Orquestra do Teatro São Pedro (RS), entre outras. Prazeres estudou regência com Isaac Karabtchevsky, graduou-se em oboé na UNI-Rio sob a orientação de Luis Carlos Justi e foi bolsista da Fundação VITAE durante seus estudos de pós-graduação na Academia da Orquestra Filarmônica de Berlim/Fundação Karajan, sob a orientação de Andreas Wittmann.

SERVIÇO:

Cine Concerto

Dias: 17 e 18 de Março (5ª e 6ª feira)
Horário: 20h
Local: Teatro Castro Alves
Endereço: Praça Dois de Julho, s/n, Salvador – Bahia
Preços: entre R$ 5 e R$ 40
Canal da OSBA/YouTube: www.youtube.com/c/OSBAOrquestraSinf%C3%B4nicadaBahia/videos

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via