“Se Não Agora, Quando?” realiza curta temporada gratuita no Teatro Ipanema

Data:

Assuntos espinhosos, tratados com alguma leveza. Em seu primeiro solo, “Se Não Agora, Quando?”, a atriz, dramaturga e roteirista Marcélli Oliveira não abriu mão do humor para abordar temas difíceis e delicados como depressão, falta de perspectiva, solidão e suicídio. Circulando desde 2020 sob direção de Leonardo Hinckel, o espetáculo ganha uma nova e curtíssima temporada gratuita no mês em que se realiza a campanha Setembro Amarelo, de conscientização sobre a prevenção do suicídio. As apresentações acontecem às terças e quartas-feiras no Teatro Ipanema nos dias 19, 20, 26 e 27 de setembro, sempre às 20h.

Em cena, Marcélli interpreta uma mulher decidida a se matar. Da janela do seu apartamento, ela acompanha diariamente a vida dos vizinhos do prédio em frente. Como nada do que planejou para si deu certo, ela se alimenta do que acontece com eles. Depois de um tempo, porém, nem a vida deles lhe interessa mais. Tudo é igual, vazio e sem graça. Na sacada do seu apartamento, esta mulher solitária está decidida como nunca antes estivera. De repente, uma luz se acende no prédio da frente. E ela tem uma surpresa que desperta sua curiosidade.

“As pessoas ainda cochicham para falar de depressão e suicídio. Enquanto isso, os números só aumentam. A gente precisa começar a gritar sobre o assunto e não mais cochichar. Precisamos parar de esconder e falar sobre o assunto. Eu quero que as pessoas assistam a peça e conversem depois sobre esses temas numa mesa de bar. Quero que elas vejam que está tudo bem se sentir sozinho, que é normal ter algum medo e que está todo mundo se sentindo assim também. Não é vergonha e precisa ser conversado”, atesta Marcélli, que atuando há sete anos como roteirista de humor na TV, atualmente é umas das redatoras finais do “Vai Que Cola”, do MultiShow e TV Globo.

Os ingressos das quatro apresentações do Teatro Ipanema serão liberados 1 hora antes na bilheteria do próprio teatro. A decisão de fazer essas quatro apresentações gratuitas se deu justamente pela importância e urgência da temática, com o objetivo de que a peça chegue ao máximo de pessoas que puder. De acordo com pesquisa realizada em 2019 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio no mundo, e uma pessoa atenta contra a própria vida a cada 3 segundos. No Brasil, os registros contabilizam aproximadamente 14 mil casos por ano, ou seja, em média 38 suicídios por dia.

“Os números são alarmantes. Precisamos falar sobre suicídio e depressão! Os antidepressivos estão em segundo lugar na fila dos remédios mais consumidos, atrás apenas dos analgésicos. A estimativa da OMS indica que nos próximos anos a depressão será a segunda maior causa de afastamento do trabalho”, diz a atriz, que, em sua pesquisa para o desenvolvimento da peça, além dos dados da OMS, se valeu do livro “Talvez você deva conversar com alguém”, da terapeuta norte-americana Lori Gottlieb.

A peça estreou em fevereiro de 2020 no Sesc Tijuca, mas teve sua temporada interrompida pela pandemia de Covid-19. No ano seguinte, uma versão on-line do espetáculo foi apresentada em uma plataforma virtual. Esse ano, a peça ganhou uma circulação por oito unidades do SESC do Rio Grande do Sul nos meses de março e abril. “Se Não Agora, Quando?” é o terceiro texto teatral escrito por Marcélli, sendo os dois primeiros “Casório” (2012) e “Às Terças” (2014).

Com uma trajetória como roteirista de programas humorísticos como “Zorra” e “Escolinha do Professor Raimundo” na Rede Globo, a atriz acredita que o humor ajuda a falar de forma leve sobre temas pesados. “A personagem tem uma leveza, tem momentos de graça. O humor ajuda muito a falar de temas espinhosos, é quase como se você não estivesse falando sobre aquilo”, finaliza.

FICHA TÉCNICA

  • Dramaturgia e atuação: Marcélli Oliveira
  • Direção: Leonardo Hinchel
  • Assistente de Direção: Bernardo Schlegel
  • Direção de Produção: Bruno Paiva
  • Assistente de Produção: Marilha Gala
  • Cenário: Marieta Spada
  • Figurino: Thiago Ribeiro
  • Luz: Paulo Cézar Medeiros
  • Montagem e Operação: Thiago Monte
  • Música Original: Leandro Castilho
  • Fotógrafa: Livia Kessedjian
  • Programação Visual: Raquel Alvarenga
  • Assessoria de Imprensa: Marrom Glacê Comunicação
  • Idealização: Marcélli Oliveira

SERVIÇO

  • Espetáculo: “Se Não Agora, Quando?”
  • Temporada: de 19 a 27 de setembro de 2023
  • Dias e horários: Terças e quartas, às 20h
  • Local: Teatro Ipanema (Rua Prudente de Morais, 824 – Ipanema)
  • Estação de Metrô: Nossa Senhora da Paz
  • Ingressos: Gratuitos, liberados 1 hora antes na bilheteria do teatro
  • Duração: 55 minutos
  • Classificação: 14 anos
  • Gênero: Comédia dramática
  • Instagram: @senaoagoraespetaculo

Últimas notícias

Leia também

Talvez você goste
Relacionada

Entre o cinema e o teatro, Ricardo Alves Jr.

Ricardo Alves Jr. Diretor e produtor de cinema e...

Regina Souza lança “Vista seu Santo”, primeiro single do seu novo álbum

A cantora e compositora mineira Regina Souza lança “Vista...

“O que vão dizer de nós” no mês do Orgulho LGBTQIAPN+ no Teatro Rival Petrobras

As relações de casais LGBTQIAPN+ entre quatro paredes, vistas...

Beatriz Linhales no teatro, na tv e no cinema

Beatriz Linhales, 19 anos, é uma jovem atriz que...
Compartilhe
Send this to a friend