Início » Casa de Cultura Laura Alvim apresenta projeto inédito, gratuito e imersivo pelos 35 anos de existência e de legado para o Rio

Casa de Cultura Laura Alvim apresenta projeto inédito, gratuito e imersivo pelos 35 anos de existência e de legado para o Rio

Espaço administrado pela FUNARJ passa por retrofit, realizado pela Constelar, de Tatianna Trinxet, com patrocínio da PRIO. Iniciativa reúne peças originais do acervo pessoal da família Alvim e conta com instalações artísticas que oferecem ao público experiência sensorial única

por Redação

Localizada no início da Praia de Ipanema, a Casa de Cultura Laura Alvim se destaca por ser uma das únicas residências originais à beira-mar e um centro cultural que oferece ao público diversas atividades artísticas e eventos em um ambiente elegante e eclético. Para celebrar o legado cultural deixado desde os anos 80, será inaugurado, a partir do próximo dia 28/9 (quarta-feira), o projeto 35 anos de Laura, que contempla uma exposição inédita e imersiva que passeia pela história da mulher que viveu ali, filha do médico Álvaro Alvim, pioneiro no uso de raios-X no Brasil, e neta de Angelo Agostini, precursor da caricatura nacional. Laura queria ser atriz mas nunca atuou profissionalmente. Em prol das artes, que a encantava, doou sua casa ao Governo do Estado do Rio em 1983, sendo inaugurada como espaço cultural três anos depois. 

O projeto, patrocinado pela PRIO, maior companhia independente de óleo e gás do Brasil, apresenta ao público, pela primeira vez, peças originais, que foram catalogadas para trazer à tona a história, vivências, sentimentos e lembranças, na forma de obras de arte, mobiliários, louças e outros itens, dos momentos vividos por Laura Alvim e sua família. Também foram digitalizados mais de 1500 itens, como fotografias e materiais culturais, e organizados 720 objetos, como candelabros, cristaleiras, mesas e cadeiras. O acervo cultural e museológico passará a fazer parte da casa em um espaço permanente, o Memorial Laura Alvim, e será entregue aos cariocas como um presente.

Quarto laura

Quarto laura

Na exposição, é possível encontrar, por exemplo, o pequeno palco, com cadeiras refletidas, que resgata a memória afetiva dos encontros que Laura Alvim promovia com grandes nomes da arte como Fernanda Montenegro, Bibi Ferreira, Darcy Ribeiro e Tônia Carrero.  Em outro espaço, estará a sala de jantar com imagens de documentos, fotos e objetos históricos da família, e um time-lapse de 24 horas da vista da praia de Ipanema, filmada diretamente da varanda de onde Laura contemplava o mar. No ambiente decorado com a tapeçaria original da casa, os visitantes vão se deparar com um autorretrato inédito da anfitriã e poderão ouvir trechos dos poemas que ela enviou ao seu pai. Ponto alto da mostra, o banheiro também surpreenderá o público pela dimensão, cor e jogo de luzes. 

Na varanda, apresentações de músicos, tocando sax, violino e outros instrumentos, para convidar o público a participar da programação da casa. Além da exposição, que ficará em cartaz até o dia 13 de novembro e será aberta ao público, diariamente, das 13h às 20h, haverá oficinas teatrais para crianças e adolescentes de instituições públicas e um estúdio musical onde será gravada parte da programação da nova rádio web, a rádio Laura. 

O projeto 35 anos de Laura é resultado de um processo de licitação vencido pela produtora Constelar, da empresária do setor de economia criativa, Tatianna Trinxet, e ganhou força ao ser abraçado pelo Presidente do Conselho da PRIO, Nelson Queiroz Tanure, incentivando todo o conjunto de ações em prol da história da Casa de Cultura Laura Alvim.  

Palco Laura

Palco Laura

“A PRIO tem tanto orgulho de ser carioca, que leva RIO até no nome. E, apoiar as iniciativas culturais dessa cidade que respira arte faz todo sentido para nós, está em nosso DNA. A Casa de Cultura Laura Alvim tem grande representatividade no nosso cenário cultural, principalmente, por ser a concretização do sonho da sua idealizadora, que nunca desistiu de usar seu lar como meio de democratizar o acesso à arte. Estamos muito honrados em fazer parte dessa nova fase desse importante ícone cultural local”, destaca Nelson Queiroz Tanure, Chairman da PRIO.

Para Tatianna Trinxet, a Casa de Cultura Laura Alvim é vanguarda e diversidade, uma multiplataforma de cultura e talentos em um dos maiores celeiros de tendências do Rio, a praia de Ipanema. “É um espaço que resistiu e persistiu, nos últimos 35 anos, de forma democrática e elegante. Desejo que o público se conecte e se emocione com as histórias e relevância da sua anfitriã, nos ajudando a escrever um novo capítulo recheado de boas memórias”, ressalta. 

Em 2021, o projeto foi vencedor de um edital realizado pela FUNARJ, e financiado pela Lei de Incentivo à Cultura. “Esse importante projeto concretiza parte da proposta da casa, que é mostrar ao público a história das tradicionais dependências do espaço cultural, bem como a maneira altruísta de vida de Laura Alvim. Ela abriu as portas da sua residência para inúmeros artistas, realizava saraus, criou o Teatro Laura Alvim, enfim, foram tantas iniciativas que, agora, aos olhos do público, ganharão o devido reconhecimento do papel e relevância desta importante e fundamental personagem na história da nossa cultura”, afirma José Roberto Gifford, presidente da FUNARJ.

Retrofit

Para receber o projeto 35 anos de Laura, a Casa de Cultura Laura Alvim passou por um retrofit, realizado pela Constelar em parceria com a PRIO. Embora os aspectos originais tenham sido preservados, o espaço ganhou um paisagismo com plantas tropicais, nova pintura, o retorno da fonte de água no espaço das Arcadas, entre outras melhorias e inovações.

Acessibilidade

A exposição contará com um time de monitores experientes e bilíngues, dentre eles um profissional com domínio de libras, para visitas guiadas e troca de informações.  Também haverá audioguias, que permitirão a descrição por meio de dispositivos eletrônicos e digitais com recursos de voz, em português e inglês, para narração e legenda de todo o material textual apresentado. “Vamos desenvolver atividades educativas com propostas pedagógicas para trabalhar com pessoas com deficiências visuais, auditivas e intelectuais. Estamos viabilizando o melhor acesso das pessoas de um modo geral e é importante que todos se sintam acolhidos”, explica Rafaela Zanete, responsável pelas ações de acessibilidade comunicacional no projeto.

Iniciativas socioeducativas 

O projeto 35 anos de Laura também conta com contrapartidas socioeducativas, como oficinas de teatro já ministradas pelos diretores Daniel Herz e Maria Rita Rezende. “A Laura Alvim foi uma mulher revolucionária que reconhece o valor da cultura e faz do seu patrimônio individual um patrimônio coletivo. Me sinto abençoado de ter neste espaço cultural tão valioso a oportunidade de, na posição de professor, estar sempre aprendendo, descobrindo, experimentando”, ressalta Daniel. Para ele, a parceria com o projeto será ainda mais especial. “Teremos a oportunidade de trazer para este espaço uma pluralidade de pessoas das mais diversas origens e identidades, o que faz com que as oficinas fiquem mais potentes e interessantes”, destaca. 

 Rádio Laura

Para seguir com a celebração dos 35 anos da Casa de Cultura Laura Alvim, o público vai ser presenteado com uma rádio  100% digital, a Rádio Laura  (www.radiolaura.com), uma criação da produtora Constelar, com o objetivo de abordar temas relacionados à cultura e ao entretenimento.  “A Rádio Laura é feminina, coletiva e inovadora, com boas notícias, curiosidades, agenda cultural e grandes convidados. Além de muita música, o projeto contemplará concertos da Orquestra Sinfônica Brasileira, um podcast voltado para o universo do humor comandado por Fábio Porchat, o resgate das radionovelas e temas como diversidade, governança, sustentabilidade e transformação social”,  declara a CEO, Tatianna Trinxet.  

A iniciativa conta com transmissão 24h, exibida em mais de nove plataformas de streaming, no canal de YouTube e nos principais perfis digitais. Além disso, uma novidade especial: o público poderá usufruir do estúdio da Rádio Laura, uma vez por mês, para produzir seus próprios materiais de áudio e reverberar suas vozes. “Nosso objetivo é ser uma rádio leve, de bem com a vida e muito conteúdo voltado para todas as manifestações culturais”, conta Ruy Jobim, radialista com mais de 40 anos de experiência, convidado pela produtora para essa empreitada. 

Serviço:  Exposição “35 anos de Laura”

28 de setembro a 13 de novembro de 2022

Endereço: Av. Vieira Souto, 176 – Ipanema, Rio de Janeiro

Entrada gratuita – retirada de senha no local ou pela plataforma Sympla (https://www.sympla.com.br)  

Horário: De quarta a domingo, das 13h às 20h

Capacidade de público: 100 pessoas

Visitas guiadas para escolas, de quarta a sexta, com agendamento prévio através do e-mail: Instagram e Facebook: @produtoraconstelar

E-mail: contato@produtoraconstelar.com

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via