Início » Claudia Amorim faz um convite à reflexão no videoclipe de ‘Eu Só Peço a Deus’, que estreia dia 28/10, véspera das eleições, no YouTube

Claudia Amorim faz um convite à reflexão no videoclipe de ‘Eu Só Peço a Deus’, que estreia dia 28/10, véspera das eleições, no YouTube

Às vésperas das eleições para presidente no Brasil, a música - conhecido hino dos Direitos Humanos - fala sobre mudanças e sobre não ficar indiferente às injustiças

por Redação
Claudia Amorim

São tempos de reflexão e de mudanças e a cantora carioca Claudia Amorim vem resgatar um dos maiores clássicos do cancioneiro latino, a canção “Eu Só Peço a Deus”, composta originalmente em espanhol pelo músico argentino León Gieco, com tradução ao português de Raul Ellwanger, para trazer à tona uma mensagem muito importante: a de não ficar parado e indiferente às injustiças. A faixa, lançada pela artista em setembro, ganhará videoclipe, o quinto da artista, no dia 28 de outubro, às 18h, em seu canal no YouTube (www.youtube.com/ClaudiaAmorimOficial). A direção é de Guilherme Quadrado e a direção de fotografia e montagem de Leonardo Rocha.

A mensagem proposta pela música que, em suas cinco estrofes, cita grandes ideais dos Direitos Humanos, evidencia que não se deve ficar indiferente à dor, à mentira e à impunidade. Não por acaso, foi escolhida pela cantora, bem como a data de lançamento do clipe: às vésperas das eleições do segundo turno para presidente do Brasil.

“Queria gravar uma música que falasse das coisas que estamos vivendo. Comecei a achar que estávamos (ou estamos) indiferentes demais a tudo o que vem acontecendo no nosso cenário social e político. Parece que todos estão anestesiados, que não se importam, e acho que o nosso maior problema é a indiferença”, explica Claudia, indicada este ano ao Prêmio Profissionais da Música, pelo projeto “Mulheres do Brasil”.

Para traduzir as ideias em imagens, a artista optou por um clipe que, acima de tudo, valorizasse os ideais da canção. No roteiro, Claudia vive uma espécie de sonho, uma idealização na qual vai avaliando e refletindo sobre as questões atuais do mundo. O clipe foi gravado no Parque das Ruínas e no Aterro do Flamengo, Rio de Janeiro.

“Optamos por não colocar nada do que estava sendo dito na letra em imagens, não queríamos uma coisa panfletária, exagerada. Preferimos um conceito mais clean, como se fosse na cabeça da personagem, um devaneio, um sonho. E na nossa criação, a personagem foi uma pessoa de luta, passou pela prisão, pelo exílio. Ela foi uma combatente”, diz.

Em certo momento, o clipe mostra jornais caindo, uma ideia da artista, que também é jornalista, e uma alusão ao papel da imprensa na nossa sociedade.

“É o mundo caindo sobre as pessoas, a gente conhece o que está acontecendo no mundo pela imprensa. Quis trazer os jornais também, porque quando a letra fala das mentiras, podemos fazer um recorte com a nossa realidade pensando ainda nas fake news”, afirma.

“Eu só peço a Deus // Que a mentira não me seja indiferente // Se um só traidor tem mais poder que um povo // Que esse povo não esqueça facilmente”.
(Trecho de “Eu Só Peço a Deus”)

Por fim, a mensagem principal deixada pela artista no videoclipe é um convite à mudança e à reflexão. A escolhermos um país melhor e um futuro melhor para o povo brasileiro, e a não sermos indiferentes ao que nos acontece de ruim.

“Acorda! Vamos olhar o que está acontecendo no Brasil. Vamos acordar desse pesadelo em que estamos vivendo. ‘Eu Só Peço a Deus’ é uma mensagem urgente e necessária, pois só pela reflexão e pela cidadania, poderemos mudar”, conclui.

“Eu Só Peço a Deus”, ou “Se Lo Pido a Dios”, no original em espanhol, foi escrita pelo compositor argentino León Gieco ao final de 1978, quando a Argentina vivia um governo ditatorial. Segundo León, a letra em português é mais explícita e compreensível do que a original, pois recorre menos a metáforas anticensura. Foi gravada por Mercedes Sosa, no Brasil por Beth Carvalho e por mais de 50 artistas mundo afora, tornando-se um verdadeiro hino dos Direitos Humanos.

FICHA TÉCNICA – VIDEOCLIPE:

  • Direção: Guilherme Quadrado
  • Direção de Fotografia e Montagem: Leonardo Rocha
  • Direção de Arte: Sarah Mantuan
  • Assistência de Produção: Leandro Botelho e Luana Farnezi
  • Beleza: Renato Ribone
  • Produção: Ritme Produções e Entre Laços Produções
  • Assessoria de Imprensa: Mario Camelo

OUÇA ‘EU SÓ PEÇO A DEUS’ NAS PLATAFORMAS:

https://tratore.ffm.to/eu_so_peco_a_deus

SOBRE: Claudia Amorim iniciou sua carreira ainda criança participando do coro infantil dos Estúdios Disney dublando e gravando jingles e spots para rádios e TV. Jornalista e cantora, em 2000, lançou seu primeiro disco, “Dia Branco”, que conta com participações de Milton Guedes, Geraldo Azevedo e de seu padrinho musical, Danilo Caymmi. Também lançou o disco “…Para Entender as Estrelas”, em 2006, e “Sede”, em 2012, pré-selecionado para o Prêmio da Música Brasileira 2013, além de singles e videoclipes. Em seus 20 anos de carreira, Claudia Amorim fez shows em diversos lugares do Brasil e fora do país, e também é idealizadora e produtora de projetos como “Chico Buarque e Democracia – uma História em Comum” e, mais recentemente, de “Mulheres do Brasil”, aprovado na Lei Aldir Blanc, em 2020, e indicado ao Prêmio Profissionais da Música deste ano na categoria Projetos Musicais de Entretenimento.

ACESSE: www.claudiaamorimoficial.com.br

SIGA CLAUDIA AMORIM NAS REDES SOCIAIS:

Instagram: https://www.instagram.com/cantoraclaudiaamorim/

Facebook: https://www.facebook.com/cantoraclaudiaamorimoficial

YouTube: https://www.youtube.com/ClaudiaAmorimOficial

SIGA CLAUDIA AMORIM NAS PLATAFORMAS:

Spotify: https://open.spotify.com/artist/1wwiygWtUaSHOiB1z6tBX1

Deezer: https://www.deezer.com/br/artist/99352

iTunes: https://music.apple.com/br/artist/cl%C3%A1udia-amorim/id213302763

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via