Início » Cultura do Estado divulga resultado preliminar de dois editais inéditos

Cultura do Estado divulga resultado preliminar de dois editais inéditos

Chamada para Povos e Comunidades Tradicionais e para artistas com deficiência vai investir R$ 6.5 milhões na arte fluminense

por Redação
Foto: Leonardo Ferraz

A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Sececrj) publicou em Diário Oficial, nesta quinta-feira (17), o resultado preliminar de dois editais inéditos em território fluminense: o “Povos Tradicionais Presentes RJ” e o “Cultura Inclusiva nas Redes”. As duas chamadas públicas, juntas, somam o investimento de R$ 6,5 mil milhões divididos em mais de 400 projetos. O resultado pode ser conferido na Plataforma Desenvolve Cultura. Os proponentes inabilitados poderão apresentar recurso entre os dias 18 e 22 deste mês.

“O nosso Pacto Cultural RJ agora entra na fase da seleção dos projetos e pagamento dos artistas. Estes editais vêm para celebrar a cultura rica e plural do nosso estado. Nunca antes na história do Rio de Janeiro foram realizadas chamadas específicas para os povos tradicionais e para as pessoas com deficiência. Este momento é fruto do trabalho que temos realizado de escuta e identificação das demandas da população”, ressalta a Secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Danielle Barros.

O “Povos Tradicionais” vai premiar 123 projetos, com investimento total de R$ 5 milhões. O objetivo principal do edital é preservar a memória, a ancestralidade e o patrimônio cultural fluminense.

Já o “Cultura Inclusiva” vai investir R$ 1.5 milhão em 300 projetos em todo o território fluminense. Serão selecionadas produções culturais nas áreas de música, dança, teatro, circo, audiovisual, leitura e literatura, museu e memória, patrimônio cultural, artes plásticas e visuais, moda e gastronomia.

Foto: Leonardo Ferraz

Foto: Leonardo Ferraz

Conheça os editais inéditos

As 123 premiações do “Povos Tradicionais” ficarão divididas entre 35 projetos de pessoas jurídicas, no valor de R$ 80 mil cada; e 88 propostas de pessoas físicas, no valor de R$ 25 mil cada uma. Serão aceitas manifestações culturais nas áreas de música, dança, teatro, circo, audiovisual, leitura e literatura, museu e memória, patrimônio cultural, artes plásticas e visuais, moda e gastronomia.

São considerados povos tradicionais para o edital: povos indígenas; comunidades quilombolas; povos e comunidades de terreiro e comunidades de matriz africana; povos ciganos; pescadores artesanais; extrativistas; extrativistas costeiros e marinhos; caiçaras; faxinalenses; benzedeiros; ilhéus; raizeiros; geraizeiros; caatingueiros; vazanteiros; veredeiros; apanhadores de flores sempre vivas; pantaneiros; morroquianos; povo pomerano; catadores de mangaba; quebradeiras de coco babaçu; retireiros do Araguaia; comunidades de fundos e fechos de pasto; ribeirinhos; cipozeiros; andirobeiros e caboclos.

No “Cultura Inclusiva”, a premiação terá valor igual de R$ 5 mil para as 300 produções. O edital é voltado para pessoas físicas e é necessário ter mais de 18 anos para participar, ser residente do Estado do Rio de Janeiro e ter ao menos um ano de atuação na área de cultura. Proponentes contemplados no “Cultura Presente nas Redes 2” não poderão fazer parte desta chamada.

Calendário das próximas etapas

Os proponentes inabilitados nos dois editais poderão ingressar com recurso exclusivamente na plataforma Desenvolve Cultura a partir desta sexta-feira (18), das 9h até às 18h do dia 22 deste mês. (http://cultura.rj.gov.br/desenvolve-cultura/inscricao/).

A publicação do resultado dos recursos e listagem final dos habilitados no “Cultura Inclusiva” será divulgada no dia 25 deste mês. Já em relação aos “Povos Tradicionais”, o resultado será publicado em Diário Oficial no dia 11 de março.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Não estou interessado em compartilhar. Clique aqui para voltar para o conteúdo!
This window will automatically close in 10 seconds
Share via