Início » Espetáculo ‘Sísifos’, da companhia mineira Candongas, chega ao Teatro Dulcina

Espetáculo ‘Sísifos’, da companhia mineira Candongas, chega ao Teatro Dulcina

Duas apresentações contam com recursos de Libras, em homenagem ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado no dia 3 de dezembro

por Redação
Sisifos - Candongas

A Cia. Candongas, de Minas Gerais, apresenta a montagem “Sísifos” no Teatro Dulcina, no Centro do Rio, a partir de 1º de dezembro, às 19h. O espetáculo faz um paralelo entre a relação “vida x trabalho” estabelecida no mundo contemporâneo e o imaginário em torno de Sísifo, personagem da mitologia grega que, por enganar os deuses, é castigado com o trabalho eterno e repetitivo. Em cena, os personagens refletem sobre sua relação com o poder e a felicidade, enquanto trabalham carregando suas pedras diárias.

Com ingressos a preços populares de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada), as duas últimas apresentações, nos dias 3 e 4 de dezembro, contam com recursos de Libras, em homenagem ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado no dia 3 de dezembro.

A companhia busca convidar o público a refletir sobre sua condição humana, sua presença em seu meio e sua busca constante pela felicidade. A montagem é permeada de analogias e símbolos. Se passa em uma caverna, associada ao “Mito da Caverna” de Platão, entre outras referências, como o livro 1984, de George Orwell; e o “eterno trabalhar” do livro O Mito de Sísifo, de Albert Camus.

Com o espetáculo, o grupo ampliou o seu campo de estudos após a conclusão de uma pesquisa de cinco anos sobre o universo do Teatro do Absurdo e alguns de seus autores mais famosos, como Samuel Beckett, Eugène Ionesco, Fernando Arrabal e Qorpo Santo.

Para o grupo, a temática de Sísifos pode ser entendida da seguinte forma: “Uma população que se agarrou nesta região da América com o objetivo de abrir buracos, sem medo de entrar cada vez mais fundo em montanhas e rios em busca de riqueza ou da própria vida”. E continua: “Mas também tem as histórias de tiranias, hierarquias, intrigas, mentiras, revoltas, guerras, sublevações, inconfidências, assassinatos, escravidão, senzalas, casas grandes, corrida do ouro, febres, alienações e mercantilização das vidas, das terras e do poder”.

A obra tem dramaturgia elaborada por Guilherme Théo e Gustavo Bartolozzi. A direção é assinada por Cláudia Henrique, também integrante do grupo, e o elenco é formado por Gustavo Bartolozzi e Wesley Simões e a produção é de Juliana Ribas. Sísifos é realizada por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, por meio do Ministério do Turismo e da Secretaria Especial de Cultura, com patrocínio de empresa privada e apoio da Fundação Nacional de Artes.

Cia. Candongas

Grupo mineiro de teatro nascido em 1994, tem a missão de fortalecer a identidade do Brasil não oficial por meio da arte. Além de peças teatrais, a companhia também promove o ensino da arte e outras ações socioculturais no Centro Cultural Casa de Candongas, situado no bairro Santa Cruz, na periferia de Belo Horizonte.

Serviço:

Espetáculo ‘Sísifos’, da Cia Candongas
Dias 1º, 3 e 4 de dezembro | Horário: 19h (quinta-feira e sábado) e 18h (domingo)
Obs.: as apresentações dos dias 3 e 4 contam com a presença de um intérprete de Libras

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)
Ingressos antecipados on-line: https://www.sympla.com.br/evento/sisifos/1792404
Classificação: 12 anos

Local: Teatro Dulcina
Rua Alcindo Guanabara, 17 – Centro, Rio de Janeiro (RJ)
(Próximo a Estação Cinelândia do Metrô)

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via