InícioTeatro & DançaFestival Internacional de Teatro de Sombras inicia nova edição em Taubaté

Postagens relacionadas

Festival Internacional de Teatro de Sombras inicia nova edição em Taubaté

Único festival internacional de teatro da região e também o único do gênero no Brasil, o FIS – Festival Internacional de Teatro de Sombras realiza sua 11ª edição a partir do dia 15 deste mês. A produção é feita pela Cia. Quase Cinema, sediada em Taubaté, grupo especializado nesta linguagem cênica que convida espetáculos de todo o mundo para compartilharem a arte do Teatro de Sombras em solo brasileiro e valeparaibano. A programação conta com peças de teatro, oficinas e seminário, uma agenda completa para toda a família e com entradas gratuitas para todas as atividades.

A troca entre produções e com o público é a motivação por trás do Festival que já vive há mais de uma década. Buscar espaço para este diálogo entre os produtores e pesquisadores desta arte fomentou a criação do Festival Internacional de Teatro de Sombras. Na programação, estão presentes companhias que pesquisam o teatro de sombras e produzem espetáculos de diferentes formatos para todos os públicos. Cada companhia desenvolve uma poética particular e única com pesquisa de equipamentos, materiais, suportes e elementos cênicos. O encontro dos produtores, artistas e pesquisadores é fundamental para o intercâmbio de ideias e procedimentos desta arte.

O público do Festival é também diverso. “As sombras são encantadoras para todos os públicos.”, conta o coordenador Ronaldo Robles. “Mesmo os espetáculos com temas direcionados para o público adulto também são recebidos com encantamento pelas crianças. Da mesma forma, existe uma criança dentro de cada um de nós independente da idade. As famílias podem se reunir para um momento de lazer e diversão onde a arte das sombras é o acontecimento que retira a família da rotina e oferece um momento de prazer, alegria, diversão, aprendizado e reflexão.”

Espetáculo ‘Como Surgiu a Noite’
Espetáculo ‘Como Surgiu a Noite’ | Crédito de Imagem: Lígia Jardim

O Festival Internacional de Teatro de Sombras é uma ótima oportunidade para quem ainda não conhece este modo de fazer teatral, assim como para que o público já cativo desta linguagem possa conhecer narrativas de todo o mundo, cada uma com sua história e seu jeito de contar.  “O teatro de sombras trabalha com sombras coloridas, reflexos, luzes e a magia do encantamento e da descoberta daquilo que é possível criar com o jogo de luz e sombras.”, complementa Ronaldo. “Todos nós já brincamos com as sombras das mãos, esse jogo está presente em tantos lugares, das artes às ciências. Aqui, o encantamento fica próximo ao espectador, que pode perceber e observar as possibilidades que o contraste de luz e sombras possibilita para a criação de imagens, formas e personagens.”

Assim, o convite está feito para uma imersão no Teatro de Sombras. A Cerimônia de Abertura será realizada no Teatro Metrópole de Taubaté, com apresentação da peça “Sombras do Cinema”, no dia 15 de maio às 19h. As próximas apresentações e atividades acontecem pelas cidades de Taubaté, São Luiz do Paraitinga e Pindamonhangaba, até o dia 21 de maio. A programação completa, com suas apresentações e atividades pode ser acessada através dos links descritos abaixo.

SERVIÇO | 11º FIS – Festival Internacional de Teatro de Sombras

Quando?

De 15 a 21 de maio de 2024

Programação completa:

Site: https://www.festivalinternacionaldeteatrodesombras.com/

 

Redes Sociais:

Instagram https://instagram.com/festival.fis

Youtube: https://tinyurl.com/fisteatrodesombras

Facebook: https://www.facebook.com/FestivaldeTeatrodeSombrasFIS/

 

Contato: fisteatrodesombras@gmail.com

 

FICHA TÉCNICA | 11º FIS – Festival Internacional de Teatro de Sombras

Coordenação geral – Ronaldo Robles e Silvia Godoy

Direção de Produção – Flávia Fernandes

Produtor – Alessandro Ferreira

Coordenador técnico – Maike Marques

Tradução e intérprete Francês e Inglês – Vitória S. Robles

Projeto Gráfico – Guilherme Moreira Documentação – Wagner Silva

Coordenação pedagógica seminário – Fabiana Lazzari – UNB e Bolsista UNB Irene Sonegheti

Professores participantes – Mário Piragibe – UFU , Paulo Balardim – UDESC, Gilson Motta UFRJ, Fabio Nunes Medeiros – FAAP-PR

Logística e transporte – Rafael de Paula

Intérprete de libras – Antônia Aguiar

Realização: Governo Federal, o Ministério da Cultura, a Lei Paulo Gustavo, o Governo do Estado de São Paulo, a Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas e produção Cia Quase Cinema

Últimas postagens

Compartilhe
Send this to a friend