Início » Maria Núbea – uma das maiores atletas paralímpicas do país –  fará parte de um bate-papo sobre superação na Estácio Maracanã

Maria Núbea – uma das maiores atletas paralímpicas do país –  fará parte de um bate-papo sobre superação na Estácio Maracanã

O público externo poderá participar da palestra motivacional gratuitamente, basta chegar com meio hora de antecedência

por Redação
Maria Núbea

No dia 19 de maio, quinta-feira – a partir das 18h30, no Supercampus Estácio Maracanã, no auditório do 2º andar, Maria Núbea participará de um encontro presencial com estudante e o público externo que vão debater os temas esporte e superação. Para participar, gratuitamente, os interessados poderão chegar à unidade, que fica na Rua Mariz e Barros, 40, bairro Maracanã, com meia hora de antecedência. Além dos tatames, a atleta paralímpica cursa pós-graduação de Políticas Ciências Integradas (EAD) no polo R9 (Taquara) da Estácio. O evento também será transmitido por meio do Instagram Estácio Maracanã – @estaciomaracana.

Maria Núbea dos Santos Lins, nasceu com toxoplasmose congênita deixando a com uma grave condição visual. Menina pobre da cidade de Belford Roxo ingressou no colégio adaptado para deficientes visuais Benjamin Constant, onde foi apresentada ao esporte adaptado. Maria Núbea logo se interessou pela natação e aos nove anos de idade começou a colecionar suas primeiras medalhas, após uma década na natação ela já carregava consigo alguns recordes brasileiros.

No meio caminho Maria Núbea apaixonou-se e se juntou ao preparador físico Márcio Fraga. Além da União ali nasceria uma parceria incrível que a garantiria resultados excelentes no cenário nacional. Porém Maria Núbea que já teria vencido tantos obstáculos queria mais, uma carreira internacional, e para a surpresa de todos não seria pela natação e sim no judô. Entretanto; Maria Núbea precisava realizar outro sonho o da maternidade, porém não seria nada fácil conjugar esporte e gravidez, após alguns cálculos iniciou-se o projeto de engravidar que foi muito bem-sucedido. em menos de um ano Maria Núbea já voltava as piscinas uma vez que não poderia abandonar a natação de forma repentina, mas com atenções voltadas para o tatame, após uma pesquisa ela encontrou o Instituto Reação do medalhista olímpico Flávio Canto, onde foi muito bem recebida pelo sensei Geraldo Bernardes. Geraldo Bernardes muito experiente no judô olímpico percebeu logo que Núbea tinha DNA de atleta e abraçou seu sonho e não demorou muito para ela começar a brilhar nos tatames brasileiros, no segundo ano de judô ela se tornou campeã brasileira e consequentemente ganhou uma vaga para a seleção Brasileira de judô paralímpico.

Mas um revés pois em cheque seu caminho no judô, seu filho Nicolas próximo a completar dois anos de idade foi diagnosticado com T.E.A (autismo). O que seria o fim de tudo se tornou o início de estímulo maior ainda. Como apoio incondicional do seu companheiro ela não lutava mais só pelos seus sonhos singulares e sim pelo seu filho.

Hoje, o Nícolas tem seis anos e Maria Núbea 5 anos de judô e já coleciona várias medalhas de campeão brasileira, campeã Panamericana medalha de bronze na copa do mundo dos Estados Unidos e consequentemente o quarto lugar no ranking mundial da categoria.

Todavia, os altos e baixos parecem fazer parte da vida de Maria Núbea, por questão estratégica ela precisou descer de peso e se reinventar em uma nova categoria de peso, o primeiro passo foi dado e ela já é atual campeã brasileira na nova categoria -52. O próximo passo seria as copas do mundo em Londres e Baku, ambas adiadas devido a pandemia Mundial do Covid 19, que por consequência culminou no adiamento dos jogos Olympikus e paralímpicos de Tóquio 2020.

COMPETIÇÕES RECENTES DE MARIA NÚBEA

• 2° Lugar Open Germany / Heidelberg 2020

• 1° Lugar Campeonato Brasileiro – 2019

• 3° Lugar Mundial de Fort Wayne / EUA 2019

• 5° Lugar Copa do mundo Baku / Uzbequistão 2019

• 2° Lugar Open Germany / Heidelberg 2019

Estácio no Esporte

Com mais 50 anos de tradição, a Estácio – uma das maiores e mais respeitadas instituições de ensino superior no Brasil – é a universidade que mais investe no esporte. Por acreditar que o Esporte envolve a construção de valores, incentivo à superação e à autonomia com ética, espírito coletivo e compromisso social e, por entender, que quando associado à educação, promove transformações duradouras, há mais de 10 anos, a Estácio vem formando campeões dentro e fora da sala de aula e promovendo eventos esportivos, projeto sociais e diversas ações alinhadas com a sua missão de “Educar para Transformar”.

Nas Olímpiadas e Paralimpíadas de Tóquio, 10% dos esportistas brasileiros eram alunos da Estácio, como Fernando Scheffer, medalhista da natação, e Laura Pigosi, no Tênis. Outros grandes nomes do esporte como Sandra Pires – formada em Educação Física; Marcelinho Machado, formado em Marketing; Daniele Hypólito, aluna de Marketing; Laís Souza, aluna de História; entre outros destaques estudam ou estudaram na Estácio.

A Instituição, que também é signatária do Pacto pelo Esporte, tem parcerias com Confederações, Federações, Clubes e Institutos ligados ao esporte, como o Instituto Fernanda Keller, Instituto Guga Kuerten, Instituto Reação, Comitê Olímpico do Brasil, e Comitê Paralímpico Brasileiro. Todo o trabalho é realizado por meio do Instituto Yduqs, dando oportunidades para jovens em vulnerabilidade social a praticar esporte, estimulando uma melhora significativa nas condições de aprendizado, cidadania e formação de valores.

SERVIÇO:

Palestra Superando Desafios

Palestrante: Maria Núbea

Data: 19 de maio

Horário: 18h30

Transmissão por meio do Instagram do campus Estácio Maracanã – @estaciomaracana – Zona Norte do Rio de Janeiro

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via