Músico Ed Vitor, natural do sertão da bahia, anuncia o lançamento do seu primeiro EP autoral: ‘Memória’

Ed Vitor
Ed Vitor - Memórias - Arte: Marlon Silva @santoebrando / Foto: Carlos Costa

Nascido nas terras do sertão da Bahia, o multitalentoso Ed Vitor, conhecido por sua versatilidade e presença marcante nos palcos do teatro musical brasileiro, está prestes a dar início em uma nova trajetória na carreira: encantar os ouvidos do público com o lançamento de seu primeiro EP autoral, composto por cinco faixas. “Memória” estará disponível no dia 23 de abril, terça-feira, às 21h, em todas as principais plataformas digitais.

O álbum, que começa com uma sonoridade mais pop e elementos de R&B, se ramifica até chegar a referências do cancioneiro e cantigas brasileiras, incorporando percussão e sons que resgatam a brasilidade e o berço nordestino, como também da influência de artistas como: Milton Nascimento, Gilberto Gil e Djavan. 

Além de aspectos sentimentais, o jovem artista resgata suas memórias de infância e raízes familiares: “Venho de uma cidade linda, pequena e simples do meio do sertão da Bahia. Cheguei no Rio de Janeiro como retirante com minha família que tentava se aterrar e reconstruir por aqui”, conta Ed.

A terceira faixa do EP, que dá nome ao álbum, é uma composição que captura a essência da jornada pessoal e artística de Vitor. Para ele, o processo de criação é uma experiência transformadora, onde fragmentos de inspiração se unem para formar uma expressão autêntica e poderosa.

“Vi minha mãe uma mulher guerreira, lutar e trabalhar bastante dia e noite pra construir um futuro melhor pra mim e para minhas irmãs, então cresci abraçando todas as oportunidades que surgiam e estudando muito sempre”, e continua: “reflito sempre que talvez esse seja o lema do brasileiros “fazer um show da vida com o que se tem, da maneira que se consegue fazer”, comenta o cantor.

 “Memória” é mais do que uma simples música; é um manifesto de auto afirmação, um grito de liberdade e um lembrete para seguir em frente na busca da felicidade e da paz interior. “Um lembrete pro pequeno Ed de 25 anos atrás dizendo que ele pode sim ser quem ele quiser ser e que vai valer a pena”, finaliza o artista.

Ed Vitor

Ed deu início a sua jornada no Centro de Formação Artística de Rio das Ostras, onde iniciou sua incursão na música popular e nos rudimentos da música clássica. Durante seu período no IFF Macaé, sua paixão pela música se consolidou ainda mais, participando ativamente de projetos musicais que moldaram sua identidade artística.

Após mudar-se para o Rio de Janeiro, o cantor mergulhou nos estudos acadêmicos no Conservatório Brasileiro de Música, ao mesmo tempo em que se preparava para uma carreira promissora no Teatro Musical, aprimorando suas habilidades em renomadas instituições como UNIRIO, CEFTEM e Cesgranrio.

Sua jornada acadêmica culminou com a graduação em Bacharelado em Música com Habilitação em Canto pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 2015. Desde então, Ed Vitor brilhou nos palcos de diversos musicais aclamados, incluindo produções como “Rio Mais Brasil”, “Reza – Orquestra de Pretos Novos”, “Aparecida”, “Sweeney Todd” e “Beetlejuice o Musical”, demonstrando sua versatilidade e talento inquestionável.

Ficha técnica:

  • Produção Musical: Victor Ribeiro
  • Mix e Masterização: Guilherme Marques
  • Arranjo e violão: Victor Ribeiro
  • Piano, bateria eletrônica e efeitos: Liliane Secco
  • Bateria Acústica: Felipe Larrosa Moura
  • Técnico de estúdio: Felipe Larrosa Moura e Guilherme Marques
  • Arte e design das capas: Marlon Silva
  • Fotografias: Carlos Costa
  • Assessoria de Imprensa: Fernanda Misailidis
  • Composições: Ed Vitor
  • Produção Geral: Ed Vitor

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui