O Esporte tem novas profissões

O Esporte tem novas profissões

Ainda há poucos anos, ser atleta profissional era reservado aos melhores, física e mentalmente, com um dom inato e uma vontade insaciável de chegar no topo da modalidade, independentemente do esporte.

Se gosta de esporte e quer saber mais sobre provas, modalidades, calendários e classificações, a betway mz apresenta uma forma divertida de viver o esporte, o eSport e o esporte virtual.

As profissões de sempre

Para trabalhar e viver do esporte, existiam já muitos caminhos. Não tinham todos que ser génios da bola ou estrelas nas ondas. Para além de atleta profissional, profissões como treinador, técnico, massagista, fisioterapeuta, preparador físico, nutricionista esportivo ou médico do esporte eram algumas das possibilidades.

E, um pouco mais afastado, mas ainda assim ligado ao esporte, os jornalistas esportivos, os comentaristas, o responsável de marketing, o gestor do clube, o assistente operativo, o fotógrafo de esporte eram outras áreas de trabalho possíveis.

Ainda assim, viver do esporte no início do século XIX não era tão fácil como hoje. Isto porque o esporte se multiplicou em imensas subáreas e nasceram também novos esportes virtuais e eletrônicos.

O Papel das Casas de Apostas Online

A transversalidade e abrangência das casas de apostas online deram origem a novas profissões, de certo modo associadas ao desporto, como é o caso do responsável estatístico, do programador, do criador de conteúdos, do agente de suporte ao usuário, do gestor, do responsável pelos mídias, do responsável de marketing. Enfim, uma panóplia de profissões que, existindo em outras áreas, cresceram com as apostas esportivas online

Pode, em casas como a Betway, checar o funcionamento de uma casa de aposta e confirmar o número de pessoas e áreas de trabalho por detrás da tela.

Os jogos eletrônicos eram um passatempo. Nada mais do que isso. Até as apostas eSport começarem a despertar o interesse de muitos. Claro que os torneios mundiais organizados pelos programadores do jogo, com uma premiação de milhões de dólares e milhões de visualizações, se tornaram ainda mais competitivos. O passatempo passou a ser uma atividade a tempo inteiro, dando lugar a um conjunto de novas profissões como gamers, streamers, criadores de conteúdos, técnicos, influencers, analistas, preparadores, desenvolvedores, terapeutas, sim racers, entre outras possibilidades.

Também os esportes virtuais, com a entrada em cena das apostas, abriram caminho a programadores, desenvolvedores, web designers, entre outras funções associadas às tecnologias de computação.

As profissões do futuro

Na verdade elas estão chegando hoje, em forma de hologramas, realidade virtual, realidade aumentada e inteligência artificial. Áreas tecnológicas que influenciam a forma como vivemos e vemos os esportes.

A combinação de modalidades esportivas mais clássicas começa a dar origem a novos esportes e a forma como a sociedade atual encara hoje a atividade física ou o esporte é bastante séria. Transformamos os passatempos em profissões, o que é ótimo. Porque aliando trabalho e paixão, a probabilidade de fazermos um trabalho melhor e de sermos pessoas realizadas é maior.

Prova de que os limites estão, muitas vezes, em nossos pensamentos, são sites como a Betway, que patrocinam, promovem e divulgam o esporte mundial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui