Prêmio Pallas de Literatura prorroga inscrições até 5 de julho

Edição de estreia comemora o meio século da editora carioca

Foram prorrogadas até 5 de julho as inscrições para o Prêmio Pallas de Literatura 2024. Pretos e pardos interessados ganharam mais uma semana para submeter os seus romances originais ao júri. O resultado será divulgado em setembro, e o livro, publicado em 2025, quando a Pallas completará meio século em atividade.

A iniciativa objetiva descobrir novos autores pretos e pardos e oferecer a eles a primeira oportunidade de publicar um romance no país, na mesma casa editorial de nomes consagrados, como Conceição Evaristo, Nei Lopes, Eliana Alves Cruz, Ondjaki, Teresa Cárdenas, Raul Lody, Cidinha da Silva, Joel Rufino dos Santos e Clarice Fortunato, entre muitos outros.

Prêmio para romancistas de primeira viagem

O candidato não pode ter nenhum romance publicado, considerando que o prêmio se volta para autores inéditos nessa categoria, e não deve se identificar de nenhuma forma a fim de garantir que a avaliação do júri seja baseada apenas na qualidade literária da obra. O romance a ser inscrito deve ter entre 120 mil e 500 mil caracteres, com espaços, e estar no formato PDF.

Podem se candidatar brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil e autodeclarados negros e pardos, a partir de 18 anos. De temática livre, os originais devem ser anexados ao formulário que exige preenchimento e está disponível no site: www.premiopallas.com.br