Salvador Sobral volta ao país com a turnê “Timbre”

Salvador Sobral volta ao país com a turnê "Timbre"

O cantor e compositor português Salvador Sobral, que não esconde a paixão e a influência da música brasileira em sua obra, está de volta ao país em abril. A turnê “Timbre”, nome de seu novo álbum, promete seguir conquistando os fãs – entre eles, Caetano Veloso, que indicou seus shows em uma postagem do Instagram – com apresentações em cinco capitais. Os espetáculos acontecem um ano depois da primeira visita do músico ao país e, desta vez, tem novidades, como as participações especiais. Chega ao Rio de Janeiro no dia 12 de abril, sexta-feira, às 21 horas, com participação de Adriana Calcanhotto, no VIVO RIO.

Na turnê, Salvador apresenta canções do álbum “Timbre”, que marca seu retorno ao mercado fonográfico. Ele se apresenta acompanhado pelos músicos André Santos (guitarra), André Rosinha (contrabaixo), Katerina L’Dokova (piano), Magalí Sare (flauta e voz) e Joel Silva (bateria). O quarto trabalho do artista, lançado em setembro de 2023, é composto por 11 canções autorais, dez delas escritas em parceria com Leo Aldrey, que assina também a produção do álbum; e uma com sua irmã, Luisa Sobral. Entre os destaques, o surpreendente dueto com Jorge Drexler, “Al Llegar”, que fecha o disco.

O cantor e compositor, que costuma ter o jazz com influências pop como base de suas canções, explora ritmos diferentes no novo trabalho. “Estou numa fase diferente da minha vida. A minha filha me trouxe tanta luz que eu sinto necessidade de refleti-la para o mundo com a música que faço. Este disco teria de ser luminoso acima de tudo. Solar, alegre e celebratório. Quem sabe, até ‘tropical’. E assim foi. ‘Timbre’ é o disco menos jazzístico que fiz até agora, com canções com ritmos mais latinos e folclóricos”, explica Sobral.

Quanto ao nome do álbum, “Timbre” surgiu por duas razões principais. “A primeira, talvez a mais óbvia, é porque, antes de tudo nesta vida, eu sou cantor, um intérprete, e aquilo que mais me define e distingue é a minha voz, o meu timbre. A segunda razão é o fato de me interessar pelo conceito de timbre enquanto cor, a cor da voz, a cor dos instrumentos. O disco é como uma paleta colorida de timbres que disparam claridade. E tem ainda uma terceira motivação: a palavra timbre é igual em muitas línguas latinas e germânicas. Escreve-se igual e significa o mesmo. Parece que o conceito de timbre é universal, colocando-nos todos de acordo”, finaliza Salvador.

Serviço VIVO RIO

Evento:
Salvador Sobral – Turnê Timbre
Participação especial Adriana Calcanhoto

Datas: 12 de abril (sexta-feira).
Horário: 21 h (a casa abre 2h antes)
Local: VIVO RIO – Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo – Rio de Janeiro 

Ingressos: 

Valores a partir de R$70,00 (meia) – R$140,00 (inteira)

Site Vivo Rio ( www.vivorio.com.br) e bilheteria que funciona em dias de  espetáculos das 16h até o início do evento e pelo totem que se encontra no foyer, em dias de shows até o  fechamento da casa, em até 12 vezes no cartão. 

Classificação etária: 18 Anos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui