Samba de Caboclo no Renascença Clube

Samba de caboclo

Domingo, 17/03, a partir das 14h, o Renascença Clube recebe o Samba de Caboclo, assim cumpre sua missão de preservar as tradições e se destacar como templo sagrado do samba e da herança afro-brasileira, transcendendo o entretenimento e enraizando-se na identidade cultural do Rio de Janeiro.

Há 4 anos, o Samba de Caboclo nasceu no Rio de Janeiro, pelas mãos de um grupo de amigos sob o amparo ancestral do Caboclo Sucuri, que é ligado à energia de Oxóssi e gosta de trabalhar com a quebra de demanda, sempre movimentando as energias. A missão desse samba é o resgate ancestral da cultura de um povo, em forma de samba de raiz, de roda e de caboclo. Os integrantes da roda são músicos que tocam diversos instrumentos, como: viola, pandeiro, chocalho, atabaque, ganzá, violão, reco-reco e agogô. O público costuma acompanhar a música com palmas e muita dança. “O Samba de Caboclo no Renascença Clube é crucial para preservar e celebrar a rica cultura afro-brasileira. Queremos promover a valorização das tradições ancestrais e fortalecer os laços comunitários, além de edificar ainda mais este espaço de inclusão e diversidade”, afirma Paulo Cesar Chaves Junior, um dos diretores do Samba de Caboclo.

O Samba de Caboclo é uma celebração presente nas religiões de matrizes africanas que vem ganhando cada vez mais destaque, não somente pelo repertório que apresenta em mais de três horas de show, mas  pela energia e vibração que acontece durante o evento. Além da música, no meio da roda virá uma surpresa: caboclos dançando “ponto de caboclo” como se estivessem no meio de uma floresta. Os dançarinos são George Louzada, chefe de ala de passistas que, recentemente, ganhou estandarte pela Mocidade Independente de Padre Miguel e Flavinny Oliveira. Evento imperdível para quem é ou não de axé!

Serviço

Dia: 17/03

Hora: 14h

Local: Renascença Clube (Rua Barão de São Francisco, 54 – Andaraí)

Ingresso: R$ 40,00

Censura Livre (menores só acompanhados dos responsáveis)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui