Início » Aquilo Que Eu Nunca Perdi, documentário sobre a vida de Alzira E, estreia no Canal Brasil dia 10 de janeiro

Aquilo Que Eu Nunca Perdi, documentário sobre a vida de Alzira E, estreia no Canal Brasil dia 10 de janeiro

O longa é dirigido por Marina Thomé e será exibido às 18h35

por Redação
Alzira em "Aquilo Que Eu Nunca Perdi" (Foto: Divulgação)

O documentário “Aquilo Que Eu Nunca Perdi”, dirigido por Marina Thomé, estreia no Canal Brasil no dia 10 de janeiro, às 18h35. O filme é um documentário que traz a história da vida e da carreira de Alzira E, cantora e compositora do Mato Grosso do Sul. Com sua trajetória narrada por cenas de seu cotidiano, além de depoimentos de personalidades como Ney Matogrosso e Arrigo Barnabé, o longa traz ainda imagens de arquivo de diferentes momentos da carreira de Alzira.

Alzira faz parte de uma família musical e está inserida no meio desde criança, por ter um irmão artista plástico e outros irmãos cantores. Juntos, eles formaram o grupo Luz Azul, que teve início em Campo Grande, onde moravam na infância, mas depois de um tempo foram todos para São Paulo e desenvolveram por lá suas carreiras, inclusive Alzira. No filme, a cantora fala sobre a importância de se reconhecer como artista e entender sua carreira individualmente, não apenas associada aos irmãos. 

A produção foi selecionada para o 22º Festival BAFICI – Buenos Aires Festival Internacional de Cine Independiente, o festival mais importante de cinema independente da América Latina.

“Aquilo Que Eu Nunca Perdi” (2021) (86′)

INÉDITO

Horário: Terça, 10/01, às 18h35

Direção: Marina Thomé

Classificação: 12 anos

Sinopse: Alzira E é uma mulher que atravessa o tempo. Rompeu com o conservadorismo de seu meio e se tornou uma mulher livre. Nascida no interior do Mato Grosso do Sul, emigrou jovem para São Paulo, onde construiu uma sólida carreira como instrumentista e compositora, com parceiros como Itamar Assumpção, Ney Matogrosso e sua irmã Tetê Espíndola. Unindo irreverência e erudição, seu norte é o agora, aquilo que nunca se perde.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via