Livro que analisa os 200 anos de independência do Brasil será lançado na Academia Brasileira de Letras

Divulgação

O livro reúne análise de diversos especialistas, como o presidente da ABL, Merval Pereira

Será lançado nesta sexta (14), na Academia Brasileira de Letras, o livro “200 anos de independência do Brasil- Das margens do Ipiranga à margem da sociedade”, que reúne análises de especialistas como o jornalista Merval Pereira, presidente da ABL, e o sanitarista Gonzalo Vecina, entre outros conceituados intelectuais O INAC- Instituto Não Aceito Corrupção e o MPD- Movimento do Ministério Público Democrático lançam o livro “200 anos de independência do Brasil- Das margens do Ipiranga à margem da sociedade”, pela editora Quartier Latin. O livro tem 320 páginas e custa R$ 118,00. O lançamento acontece das 17h00 às 22h00 na ABL.

A coordenação do livro é do procurador de justiça criminal do Ministério Público de SP e presidente do INAC, Roberto Livianu, e da professora de Ciência Política da UNESP, Rita Biason. Conceituado time analisa o Brasil em várias vertentes Foi reunido um time de conceituados especialistas em diversas áreas do conhecimento humano para fazer uma grande análise sobre os 200 anos do Brasil desde a independência. Paulo Afonso escreveu sobre Direitos da Infância; Ricardo Prado sobre Direitos Humanos; o idealizador do SUS e ANVISA no Brasil, Gonzalo Vecina, fez um retrospecto da saúde; o ex-ministro Renato Janine e hoje presidente da SBPC analisou a educação.

Roberto Livianu e Rita Biason escreveram sobre corrupção. O ex-embaixador nos EUA, Rubens Barbosa, sobre relações internacionais; o imortal Merval Pereira sobre jornalismo e comunicação; e o presidente da Comissão de Igualdade Racial da OAB, Irapuã Santana, sobre racismo e outros temas.

Lançamento começa com debate

O lançamento do livro começa com um disputado debate, às 17h00, mediado pelo influencer Pedrinho Salomão. Participam Roberto Livianu, presidente do INAC; Merval Pereira, presidente da Academia Brasileira de Letras; Luana Genót, diretora executiva do Instituto Identidades do Brasil; Fernanda Leitão, ex-procuradora do Estado do RJ; Davi Lago, diretor executivo do INAC ; Fábio Medina, presidente do Instituto Internacional de Estudos de Direito do Estado; e Rodrigo Bertocelli, diretor executivo do INAC. 

A partir das 18h00 assinaturas do livro e coquetel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui