Início » “Manouche no Jardim” – rodas de samba com Raoni e Dandara, netos do Martinho da Vila, com homenagem ao avô, todos os domingos de janeiro e fevereiro

“Manouche no Jardim” – rodas de samba com Raoni e Dandara, netos do Martinho da Vila, com homenagem ao avô, todos os domingos de janeiro e fevereiro

por Redação
Raoni e Dandara - Canta, Canta minha Gente

Do underground para um jardim ensolarado. O Manouche estreia sua nova versão, Manouche no Jardim, com atrações que ocupam o jardim da Casa Camolese, nova e deliciosa área da restaurante. A primeira é a roda de samba “Canta, canta minha gente”, que estreia neste domingo, dia 22/01, à tardinha, ao pôr do sol, e segue durante todos os domingos de janeiro e fevereiro, com a roda de samba, ao ar livre, dos netos de Martinho da Vila, Raoni e Dandara, que homenageiam o avô.

A dupla de sambistas entra em cena escoltada por uma banda formada por músicos que os acompanham pelas rodas de samba (baixo, cavaco, banjo, violão e percussão) e, ainda, pela mãe Analimar Ventapane (vocais e percussões) e o irmão mais novo Guido Ventapane (percussão).

O repertório da roda de samba apresenta obras marcadas pela herança e genética musicais da família, com composições de Martinho, entre elas as antológicas “Canta, Canta, Minha Gente” e “Casa de Bamba”. Outro destaque é “Odilê, Odilá”, de João Bosco e Martinho, em que a dupla de irmãos dividiu a interpretação com o avô no seu mais recente álbum, “Mistura Homogênea”. Sucessos das rodas de partido alto cariocas e de novas gerações de sambistas também marcam presença e abriga músicas de Reinaldo, Arlindo Cruz, Mart’nália, Luiz Carlos da Vila, a Ferrugem.

Raoni e Dandara também vão mostrar canções do EP que lançaram no ano passado – quatro delas de autoria de Raoni, ora solo, ora em parceria com Ana Costa (“Seja Feliz”), Mart´nália e Thiago da Serrinha (“Meu Enredo”), além da música título “Atravessando Gerações” e mais Que preta é essa!”, “Namoradeira” e “Seja Feliz”, por exemplo.

Serviço:

Show: Projeto Manouche no Jardim – Canta, Canta Minha Gente – homenagem a Martinho da Vila pelos netos Raoni e Dandara

Local: Jardim da Casa Camolese: Rua Jardim Botânico, 983

Datas: estréia 22 de janeiro, domingo, e segue todos os domingos de janeiro e fevereiro

Horário: 17h

Preço: R$ 200 mesa para quatro pessoas e R$ 30,00 de couvert artístico para o público em pé.

Reservas: (21) 3514-8200, (21) 99790-6559 (WhatsApp) ou pelo instragram @casacamolese

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via