Início » João Loroza mergulha no R&B em seu novo single, “Quando Chega”

João Loroza mergulha no R&B em seu novo single, “Quando Chega”

Com as participações do pai, Serjão Loroza, da irmã, Luiza, e de Neyriellen Ferreira, segundo trabalho da carreira do cantor e compositor chega a todas as plataformas

por Redação
Capa de Quando Chega

O amor vivido a cada momento e as suas ressignificações, com encontros, desencontros, desejos, anseios, distância e solidão. Essas nuances e os seus desdobramentos compõem “Quando Chega”, do cantor e compositor João Loroza. Lançado pelo selo Mondé Musical com produção de Pedro Guinu e participações do pai, Serjão Loroza, da irmã, Luiza, e da cantora Neyriellen Ferreira, o segundo single da sua carreira está disponível nas plataformas digitais.

A canção foi feita em meio à quarentena, em 2020, e foi a primeira gravada em estúdio por João. Ele começou a compor pensando nos casais que foram afastados pela pandemia e as formas de amar um ao outro mesmo à distância. Com o tempo e a flexibilização, ausências e reaproximações, a música foi ganhando outros significados, como o lugar da solidão nos relacionamentos.

– Eu acredito muito que, quando a gente lança uma música, já não é mais nossa. Eu moldei a minha arte, a minha ideia, mas fica livre a todas as interpretações possíveis e ganha outros contornos quando chega aos ouvidos das outras pessoas e se conecta às suas vivências – reflete.

“Quando Chega” também consolida o mergulho de cabeça do artista na música urbana, em especial na cena R&B, incorporando elementos do Neo Soul e do afrofuturismo, após o seu primeiro trabalho solo, “31 de Agosto”, de 2021.

– A minha música fala de amor e das histórias que a vida apresenta – conta.

Dos primeiros passos em família ao movimento R&B 

Carioca de Madureira, João Loroza vem de uma família de músicos e iniciou sua paixão pela música aos 11 anos, quando acompanhava seu pai e sua irmã em diversos shows, o que lhe serviu de inspiração para sua carreira.

Aos 15 anos, já fazia parte da banda “Os Caras&Carol”, onde atuou por cinco anos como guitarrista, se apresentando nos maiores eventos e casas de shows no Rio de Janeiro e em São Paulo, como Rock in Rio, Circo Voador, Festival de Inverno do Rio, Fundição Progresso e Audio, além de abrir vários shows de artistas renomados, como Paralamas do Sucesso, Nando Reis, Frejat, Fresno e Konai. O músico também coleciona colaborações com Camila Zasoul, Serjão Loroza, Victor Mus, Ella Fernandes, Luciane Dom, a banda “Luellem de Castro & Nós Somos”, entre outras. Como produtor musical, fez sua estreia no single “Areia”, de Luiza Loroza. Em “Quando Chega”, conta com a parceria da cantora Neyriellen Ferreira, que além de fazer participação especial no single, é sua professora de canto e fez a preparação vocal para a gravação.

Com sua voz potente e todas as experiências que carrega na bagagem, a aposta ficou para trás e hoje, aos 21 anos, João já é uma realidade como artista e articulador cultural, sendo uma das lideranças no movimento R&B a partir do Rio de Janeiro, organizando eventos e outras iniciativas para conectar os talentos de diferentes regiões e realidades. Exemplos disso são o Sarau do Azevedo, idealizado pelo coreógrafo Marcus Azevedo em parceria com o produtor musical Mãolee, e o Low Profile, projeto audiovisual de afrobeats na voz de artistas da cena de R&B criado pelo produtor Gu$t, da Groovestudio, do qual participa da sua segunda edição, com o single “Dengo”, que será apresentado no dia 17 de junho.

– A cena explodiu durante a pandemia, com uma série de artistas surgindo e alavancando suas carreiras a partir de home studios e impulsionando seus trabalhos pelas plataformas. E temos artistas incríveis, mas precisamos nos unir em torno do movimento, para que tome forma de fato e cresça no imaginário do público e na indústria, como aconteceu com outros gêneros ao longo da história – ressalta.

Para conferir “Quando Chega”, acesse https://bfan.link/quando-chegar

Instagram: @joaolorozaoficial

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Share via